Conceito não tem volante, pedais ou instrumentos convencionais

O I.D. Vizzion Concept é a visão da Volkswagen de como um sedã de alta tecnologia poderá ser em 2030. Visualmente não foge muito dos veículos que conhecemos hoje, mas o interior é uma visão do futuro. Isso porque elimina completamente os controles convencionais. Em vez disso, os ocupantes usam comandos de voz e gestos para dizer ao carro para onde ir. Uma rede de sensores e inteligência artificial assume o trabalho de condução a partir daí.

O design do Vizzion segue padrão de outros membros da família I.D. de conceitos. A frente especialmente, com faróis que se estendem por toda a parte dianteira evoca o I.D. Crozz. Um grande teto arqueado deixa o aspecto do sedã mais elegante, enquanto sua composição de vidros com linhas suaves acentua a aparência futurista.

Leia também:

Do lado de fora ainda há uma ampla rede escondida de lasers, sensores de radar, câmeras e muito mais. Além disso, computadores monitoram os dados de tráfego da via internet e comparam com o que os sensores de bordo mostram. A VW também imagina usar a comunicação veículo a veículo como outro método de coleta de informações sobre a estrada à frente.

VW I.D. Vizzion concept

Com o foco na condução totalmente autônoma (nível 5), os designers da VW colocaram seus principais esforços na cabine do Vizzion. No interior, os ocupantes encontram quatro assentos generosos e carpetes grossos no chão. As janelas grandes e o teto de vidro permitem muita luz natural, mas as pessoas podem escurecer eletronicamente a cabine quando quiserem privacidade. Parece um lugar muito confortável para dar uma volta.

A Volkswagen também embala a cabine com tecnologia. Um dos toques mais curiosos é a incorporação da tecnologia de realidade aumentada HoloLens da Microsoft, que pode projetar displays virtuais na frente dos ocupantes. A inteligência artificial do carro também aprende sobre o proprietário e os ocupantes freqüentes. Por exemplo, o sistema aprende coisas como a posição preferida de uma pessoa e configurações de controle de clima.

Como os outros modelos da família I.D. de conceitos, o Vizzion usa motores totalmente elétricos. Há um motor na frente gerando 101 cv e outro na parte traseira com 201 cv, o que permite uma configuração de tração integral. Sob o assoalho, uma bateria de 111 kilowatts-hora fornece mais de 660 km de autonomia no ciclo de testes europeu.

Fotos: Motor1.com

Galeria: VW I.D. Vizzion Concept no Salão de Genebra 2018