SUV médio será lançado no 2º semestre e pode ser batizado como Commander

Com o Compass 2022 quase chegando às concessionárias e a pré-venda já acontecendo, a marca começa a voltar sua atenção para o próximo lançamento: o futuro SUV de 7 lugares. O modelo foi visto em testes novamente, desta vez por dois leitores de Florianópolis (SC), ainda bem camuflado, mas já começando a mostrar o design inspirado no novo Grand Cherokee. A apresentação foi prometida para a 2ª metade de 2021.

O inédito SUV de 7 lugares da Jeep, que pode ser batizado como Commander, foi avistado em duas unidades diferentes. Algumas das fotos foram enviados por Leonardo Contin da Costa, que conseguiu pegar a frente do utilitário. Olhando de perto, é possível notar como terá uma grade mais refinada do que o Compass, com um acabamento interno pontilhado. Também não adotará a cara do irmão menor, usando as luzes de neblina mais abaixo no para-choque, imitando o estilo que agora é do Grand Cherokee. Os faróis são bem finos e podemos ver que estão usando lâmpadas de LED.

Galeria: Jeep Commander 2022 - Flagras

Já o leitor Vitor Colossi encontrou uma outra unidade e só pegou o carro de traseira e de lado. A parte de trás continua a usar lanternas provisórias fora da carroceria. Isso foi feito para aproveitar a posição e usar o mesmo chicote da peça final e esconder o verdadeiro formato das luzes traseiras. A altura do recorte onde estão as lanternas e o vinco do porta-malas (coberto pelo pano preto) indica que deve ter uma lanterna bem fina.

Isso é confirmado por um terceiro flagra, este da página Carangos PB no Instagram. É a primeira unidade a utilizar as lanternas finais e podemos ver um pouquinho da luz em LED. O ponto principal é que o recorte da tampa do porta-malas acaba bem próximo de onde está a luz traseira. Como a marca tem usado lanternas bem finas nos últimos modelos, como Wagoneer e Grand Cherokee, é possível que este estilo tenha sido repetido aqui. E também podemos ver o sistema 4x4 na parte de baixo do carro, o que não é nenhuma surpresa.

 

Conforme a Jeep disse anteriormente, quando confirmou que a apresentação do carro aconteceria no 2º semestre deste ano, o futuro Commander terá os motores 1.3 turboflex de 185 cv e 27,5 kgfm, combinado ao câmbio automático de 6 marchas; e o 2.0 turbodiesel, que segundo rumores terá a potência elevada para cerca de 200 cv, mantendo o sistema 4x4 e a transmissão automática de 9 posições.

Como o Jeep de 7 lugares será o modelo nacional mais caro da empresa, custando mais do que o Compass 2022, espere por uma lista de equipamentos bem semelhante, com itens como painel de instrumentos digital, piloto automático adaptativo, frenagem automática de emergência e a nova central multimídia com conexão 4G Wi-Fi nativa. Como a Stellantis iniciará as vendas do novo SUV da Fiat entre setembro e outubro, o mais provável é que o Commander fique para o último bimestre, para não dividir a atenção na mídia.

SUV mais tecnológico produzido na América Latina

Em outubro de 2020, ocasião em que foi confirmado, executivos da Jeep destacaram o fato do novo modelo ter sido 100% desenvolvido no Brasil. Também foram taxativos ao afirmar que o novo Jeep será o SUV mais tecnológico projetado e produzido na América Latina, com ampla localização de peças, motores e componentes.

Jeep Grand Cherokee L 2021
Jeep Grand Cherokee L 2021

Outro ponto reforçado naquele momento é que não se tratava simplesmente de um Grand Compass, embora obviamente compartilhe alguns componentes o SUV médio. Alexandre Aquino, Jeep Brand Manager, na ocasião destacou que o novo SUV de 7 lugares estará mais próximo do Grand Cherokee do que propriamente do Compass.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com