Motor virá junto com um novo câmbio automático de 8 marchas

Em 2006, a PSA apresentou a linha de motores Prince, desenvolvida em parceria com a BMW. Desta família, surgiu o 1.6 THP, único turbo com injeção direta da linha, que foi utilizado pela geração anterior dos Mini, em alguns BMW e, em peso até hoje, em diversos modelos da Peugeot e Citroën. No Brasil, inclusive, com variante flex de até 173 cv. 

2017 Peugeot 308

Devido às rigorosas normas de emissões vigentes na Europa desde setembro de 2017, a PSA prepara para lançar a primeira grande atualização do THP. As mudanças se concentram em uma nova admissão, novo turbo e escape, que carrega um novo catalisador, mais eficiente, e um filtro de partículas. Com isso, ele chega aos 132 g/km de emissão CO², além de ganhar mais 20 cv (225 cv) e 1,5 kgfm de torque (30,6 kgfm). Com isso, ele deixa de usar a nomenclatura THP e se alinha com os demais motores modernos da PSA, se tornando 1.6 PureTech. 

Leia também:

Junto, a PSA apresentará o novo câmbio automático de 8 marchas, ainda fornecido pela Aisin. Além de 2 kg mais leve, a nova caixa integra a função que desacopla a transmissão em situações de cruzeiro, que permitem economia de combustível na faixa de 7% em comparação com o atual de 6 marchas. 

O Motor1.com França testou o 308 equipado com este novo conjunto. Segundo nosso time francês, o motor é mais responsivo em baixa e mais elástico, e a conversa com o câmbio é rápida e suave em qualquer modo de condução, além de ter uma boa ligação entre os dois. Ele estreará na Europa em abril, mas sem previsão para chegar ao Brasil, que ainda espera o 1.2 PureTech Turbo. 

Fotos: arquivo Motor1.com

Galeria: Peugeot 3008 2017 - Brasil