Elétrico e ecológico de baixo custo estreará por aqui no início da próxima década

Segmento de peso dentro do novo plano estratégico global do grupo Renault-Nissan, o mercado de elétricos será explorado pela marca não apenas nas faixas de preço mais caras, mas também entre modelos considerados mais populares. Em entrevista recente concedida à agência Automotive News, o chefão Carlos Ghosn confirmou o desenvolvimento de um veículo ecológico de baixo custo nos próximos anos, tomando como base o conhecido Kwid. Detalhes sobre o projeto ainda são limitados, mas é certo que o preço médio em mercados internacionais não passará dos US$ 8 mil - algo em torno de R$ 30 mil, numa conversão direta.

Leia também:

Renault Kwid Zen 1.0 Motor1 BR

De acordo com o chefão, a China será o primeiro grande país a receber o modelo - mais ou menos por volta de 2019. Na sequência, a expectativa é expandir a comercialização para outras nações emergentes, nomeadamente Índia e Brasil. Uma equipe específica de engenheiros já trabalha a todo vapor no projeto, mas ainda não há quaisquer informações sobre a mecânica (o que inclui capacidade das baterias, autonomia, entre outros). A produção será inteiramente tocada em solo chinês (fator determinante para manter os custos reduzidos), de tal modo que a prometida estreia por aqui acontecerá apenas via importação.

Até o lançamento, mais detalhes serão revelados.

Fonte: Automotive News

Renault Kwid Zen 1.0 2017

Foto de: Rafael Munhoz