Versão de base LT pode ser adquirida por R$ 91.608 ante os R$ 105.400 pedidos no varejo

Passados três dias que a Citroën anunciou o retorno do C4 Cactus para pessoas com deficiência, a Chevrolet é mais uma marca que volta a comercializar carros PCD depois da publicação da Lei nº 14.183, que permite a isenção de IPI para este público com preços de até R$140.000. Por enquanto, o único modelo da fabricante disponível para encomendas é o SUV compacto Tracker.

Dessa forma, todas as versões do Chevrolet Tracker estão disponíveis para compra na modalidade PCD, já que seus preços variam entre R$ 105.400 e R$ 131.430, valores que ficam dentro do teto limite de R$ 140 mil da nova lei (anteriormente esse valor era de R$ 70 mil). Além da isenção de IPI prevista em lei, o que já reduz bastante o preço final do carro, a Chevrolet também está dando um desconto adicional na compra do Tracker PCD.

Com isso, todas as variantes do SUV compacto da marca com câmbio automático estão aptas para a compra por pessoas com deficiência. Assim, a versão inicial LT 1.0 turbo AT passa de R$ 105.400 para R$ 91.608,72, o que significa um abatimento de R$ 13.791,28. Já a versão seguinte LTZ 1.0 turbo AT sai de R$ 114.270 e passa a R$ 99.318,42 com os descontos, enquanto a intermediária Premier também com motor 1.0 turbo vai de R$ 122.850 para R$ 106.776,09.

Por fim, a versão topo de linha Premier equipada com o 1.2 turbo é dona da maior redução no preço: R$ 21.313,35. Assim ela é vendida por R$ 110.116,65, ante os R$ 131.430 pedidos na tabela para o varejo.

Depois que a nova lei com subiu o teto para R$ 140 mil para isenção de IPI na compra de carros PCD, a tendência é que mais modelos estejam disponíveis para a compra. Vale lembrar que a Chevrolet tem ainda os modelos Onix, Onix Plus, Spin, Cruze e Cruze Sport6 nessa faixa de preço e que podem ganhar versões PCD futuramente. E embora a GM enfrente problemas por conta da falta de semicondutores em suas fábricas, as encomendas de carros PCD podem ser feitas normalmente.

Vale lembrar que a nova Lei nº 14.183 que eleva o teto para R$ 140 mil na aquisição de veículos PCD com abatimento no IPI vale somente até o dia 31 de dezembro de 2021. Além disso, o proprietário de carro PCD pode trocá-lo e adquirir outro com o desconto no IPI somente após 3 anos (antes este prazo era de 2 anos). Em relação ao ICMS (imposto estadual), o prazo normalmente praticado nos Estados é de 4 anos.

Preços Tracker 2022 PCD

Versão Preço varejo Preço PCD Diferença
Tracker LT 1.0T AT R$ 105.400 R$ 91.608,72 R$ 13.791,28
Tracker LTZ 1.0T AT R$ 114.270 R$ 99.318,72 R$ 14.951,58
Tracker Premier 1.0T AT R$ 122.850 R$ 106.776,09 R$ 16.073,91
Tracker Premier 1.2T AT R$ 131.430 R$ 110.116,55 R$ 21.313,35

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com