Após o anúncio da saída do Dodge Journey do Brasil na metade de 2020, os fãs da Fiat-Chrysler só tiveram notícias da marca com a promessa de reinvenção de muscle cars eletrificados no futuro próximo. Entretanto, ao retirar o último modelo do país, a Dodge fez um depoimento de que estudam a vinda de novos produtos ao nosso mercado. E um deles começa a ganhar forma nos EUA

Segundo rumores, a marca que ostenta somente Charger, ChallengerDurango em sua linha agora acrescentará uma nova opção ao seu portfólio: o Dodge Hornet. Mas vale lembrar: não são informações oficiais. Supostamente, ele será baseado no futuro Alfa Romeo Tonale, produzido na Itália e usando a mesma plataforma Small Wide 4x4 do Jeep Compass.

Galeria: Alfa Romeo tonale 2020

Em uma reportagem feita pelo site italiano Passione Auto Italiane, o mais novo modelo da Dodge será construído ao lado do Alfa Romeo Tonale, na fábrica de Pomigliano D'Arco (Itália), uma informação supostamente confirmada pela própria Stellantis. O boato ainda diz que o Hornet será baseado no Tonale, aproveitando até mesmo o motor 2.0 turbo GME, que a Stellantis utiliza no nos Jeep Wrangler e Grand Cherokee, enquanto a Alfa Romeo equipa o Stelvio e o Giulia.

Embora não tenham mencionado informações sobre uma versão híbrida do novo crossover, é algo que podemos esperar, visto que o Alfa Romeo Tonale terá uma versão plug-in - o que afetou sua programação e adiou seu lançamento.

O CEO da Alfa Romeo, Jean Philippe Imparato, quis que os engenheiros melhorassem o desempenho do sistema PHEV do Tonale, o que atrasou sua introdução no mercado. O modelo deveria ser revelado em novembro, mas esta mudança nos planos pode adiá-lo para o ano que vem.

Voltando ao Dodge Hornet, podemos dizer que já demorou muito para chegar. Este nome surgiu em 2006 com o Dodge Hornet Concept, revelado no Salão do Automóvel de Genebra. Até surgiram especulações de que a Chrysler estaria trabalhando em uma versão de produção do modelo em 2008, mas nunca se concretizou.

Já faz 15 anos desde que o Dodge Hornet surgiu como uma ideia e parece que finalmente fará sua estreia, pelo menos nos Estados Unidos - isto é, se estes rumores forem verdadeiros. Caso o SUV médio realmente apareça, pode ser uma opção para a marca no Brasil, que desapareceu após o fim do Journey e que ainda deve o lançamento de um novo carro no país.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com