Duas novas versões chegam ao catálogo, sempre com motor 1.5 turbo

Como prometido durante o Salão do Automóvel de 2018, começou a produção do Mitsubishi Eclipse Cross em Catalão (GO). Isso trouxe duas novas versões para o SUV, que agora parte dos R$ 129.990 na versão GLS, sempre com motor 1.5 turbo de 165 cv ligado ao câmbio CVT com simulação de 8 marchas. Como importado, ele começava em R$ 149.990.

Mitsubishi Eclipse Cross GLS
Mitsubishi Eclipse Cross GLS

O Mitsubishi Eclipse Cross GLS tem um bom pacote de equipamentos. Na lista, destaque para o ar-condicionado automático, direção elétrica, computador de bordo colorido, sistema multimídia com tela de 7" com espelhamento de smartphones, controles de tração e estabilidade e 7 airbags (frontais, laterais, de cortina e de joelho para o motorista). 

Mitsubishi Eclipse Cross HPE
Mitsubishi Eclipse Cross HPE

Acima, está o Eclipse Cross HPE. A versão adiciona rebatimento elétrico dos retrovisores, ar-condicionado de duas zonas, Head-Up Display, freio de estacionamento elétrico com auto hold, chave presencial e partida por botão. Custa R$ 144.990. Acima, estão as versões HPE-S com tração dianteira e integral já conhecidas, que adicionam os assistentes de condução, como piloto automático adaptativo, além dos faróis full-LED, por R$ 153.990 e R$ 161.990, respectivamente.

Galeria: Mitsubishi Eclipse Cross (Brasil)

O Eclipse Cross é o SUV intermediário da Mitsubishi. Ele está posicionado acima do ASX (com preços que variam de R$ 104.990 a R$ 130.990 e produzido também em Catalão) e abaixo do Outlander, que varia de R$ 157.990 a R$ 216.990, este importado do Japão inclusive com motorização turbodiesel. 

Galeria: Mitsubishi Eclipse Cross GLS e HPE