Os engenheiros gastaram mais de 18 mil horas só para criar o novo para-choque

A Ferrari apimentou um pouco mais a 488 GT3, versão de corrida do esportivo, com um novo pacote Evolution, feito sob medida para melhorar o desempenho e encarar as temporadas 2020 da categoria Gran Turismo. Assim como a 488 GT3 padrão, revelada há quase quatro anos, a versão Evo foi apresentada no Finali Mondiali, evento que aconteceu em Mugello (Itália) no último final de semana. Como o nome diz, é uma evolução do carro de corrida, com melhorias aerodinâmicas e outras modificações.

Galeria: Ferrari 488 GT3 Evo 2020

A mudança mais óbvia está na frente, com um para-choque redesenhado e com uma pequena área embaixo dos faróis. Foram necessárias mais de 18 mil horas de cálculos e simulações para otimizar o formato do para-choque, seguido por testes em túnel de vento para criar a o formato perfeito e melhorar a estabilidade do veículo.

Agora conta com novas entradas de ar que ajudam a aumentar o downforce, as portas têm um novo desenho para melhorar a passagem de ar e o splitter foi redesenhado. Assim como a 488 GTE, a GT3 está com um entre-eixos levemente mais longo, o que reduz o desgaste dos pneus e facilita a conversão do GT3 para GTE.

Outra mudança notável feita pelo pacote Evo é a redução de peso de 2,4 kg, graças ao novo banco. Mais rígido e robusto, o assento foi desenvolvido pela Ferrari junto a Sabelt e é compatível tanto com o 488 GT3 com o 488 GTE, usando novos cintos de segurança. Esta redução de peso significa que pode usar lastros adicionais onde for necessário, reduzindo o centro de gravidade.

Além do pacote Evo, o 488 GT3 ainda pode receber um outro kit, o 24H/Endurance, que tem um para-choque diferente com luzes extras. Ele também ganha uma embreagem de fibra de carbono, pinças de freio vindas do 488 GTE, parafusos de aço para as rodas e mais. Outros itens compatíveis com o 488 GT3 Evo são os faróis em LED com 4.500 lumens e sensores para o nível do radiador e para o tanque de combustível (com luzes de aviso).

A Ferrari diz que o pacote Evo pode ser usado pelas 488 GT3 já disponíveis, que seriam beneficiadas com melhorias no ABS e no controle de tração. O motor V8 biturbo continua o mesmo, com 550 cv, só que com uma otimização no gerenciamento do motor para melhorar a entrega de torque.