Tiguan R deve adotar motor 2.0 turbo com mais de 300 cv que será usado no novo Golf R

Já faz três anos que o Volkswagen Tiguan R aparece em testes pela a Europa e ele ainda irá levar mais um tempo para ser vendido. De acordo com o site australiano CarSales, citando uma fonte dentro da montadora, a versão esportiva não estará nas lojas antes de 2021. A apresentação do modelo estaria marcada para 2020, junto com a reestilização do SUV, na forma de um conceito praticamente pronto para produção.

Galeria: Volkswagen Tiguan R - Novos flagras

O site ainda adianta que a variante esportiva do SUV trabalhará com o motor 2.0 turbo, embora não tenha descoberto os dados de desempenho. Sabemos que não apostará em um sistema híbrido, algo que vai ficar para o futuro Tiguan PHEV e que será vendido somente com o câmbio automatizado DSG de dupla embreagem e 7 marchas, e tração integral 4Motion. Considerando que a Volkswagen trabalha em um novo Golf R com mais de 300 cv, é bem possível que o mesmo motor seja usado no Tiguan - ainda mais porque o T-Roc R tem 300 cv.

A reestilização do Tiguan e sua versão R podem não ter muito tempo de vida, já que rumores dizem que a próxima geração estaria em desenvolvimento para ser revelada em 2022, ainda que na forma conceitual. Não terá uma versão cupê, mas deve adotar uma linha mais agressiva para o teto.

Enquanto isso, o Grupo Volkswagen trabalha em outro SUV esportivo e que é bem próximo do Tiguan R. Estamos falando do Audi RS Q3, que adotará o motor de cinco cilindros da empresa e que inclusive já apareceu em testes na Europa.

Novos SUVs para o Brasil

Durante o Salão de Frankfurt, o Pablo Di Si, Presidente da Volkswagen América Latina, confirmou que um novo SUV com estilo cupê será lançado no Brasil no ano que vem. Outra surpresa em sua mesma fala é um outro SUV compacto, do mesmo porte do Polo, quer será produzido em Taubaté e também deve ganhar outros mercados mundiais.

Fonte: Carsales