Destrinchamos o que muda no modelo da Nissan e antecipamos o que esperar da VW Taos e Toyota Corolla Cross

Está aberta a temporada de lançamentos 2021 de... SUVs, claro. A primeira estreia de "peso" do mercado brasileiro foi apresentada nesta quinta-feira (25) à noite, na figura do reestilizado Nissan Kicks 2022. O modelo passa por seu primeiro face-lift, fica mais equipado e não mexe no preço, prometendo seguir com sua carreira de sucesso por aqui.

Antes mesmo de ser apresentado ao público, o Kicks passou pelo teste do Motor1.com e pela avaliação do jornalista Renato Maia, do canal Falando de Carro, e então o que não faltou foi resenha sobre a linha 2022 do SUV. Comentamos desde o design, que foi atualizado tanto na dianteira quanto na traseira, até o novo sistema de som da Bose com 8 alto-falantes, incluindo dois no encosto de cabeça do banco do motorista.

 

Ouça nosso Podcast gratuitamente nas plataformas

O Kicks 2022 também estreou novos sistemas de assistência à condução. Agora, além do radar frontal que antiga versão SL tinha, a nova Exclusive traz também uma câmera que agrega novas funções: alerta de saída de faixa, monitor de ponto cego, alerta de tráfego cruzado e farol alto automático, que se juntam ao sistema de alerta de colisão frontal com frenagem autônoma de emergência.

Já o sistema de câmeras 360 graus para manobras agora ganhou melhor visualização pela nova multimídia de 8", que além da tela maior tem melhor resolução e ainda permite configurar atalhos na tela inicial. Para conectar seu smartphone, traz duas entradas USB (uma comum e uma tipo C) e oferece suporte Apple CarPlay e Android Auto, embora ainda por fio. Carregador wireless é ofertado como acessório.

Galeria: Nissan Kicks Exclusive 2022 (Teste BR)

Mais seguro e equipado, o Kicks esbarra na oferta de apenas um motor. Ele mantém o 1.6 aspirado de 114 cv e 15,5 kgfm, que entrega bom desempenho para uma utilização urbana, mas é um pouco limitado na estrada e com o carro carregado. Vai bem nas versões intermediárias, mas a topo de linha merecia um motor turbo para enfrentar a concorrência na faixa dos R$ 120 mil.

Para quem quiser (ou puder) gastar mais, outros SUVs maiores estarão nas lojas em breve. A Toyota já confirmou o lançamento do Corolla Cross para o dia 11 de marco e a VW mostrou o Taos - ambos para acabar com a vida mansa do Jeep Compass, que também será reestilizado e vai ganhar motor turbo no segundo semestre.

Quer saber mais detalhes? Dê o play e confira!

Envie seu flagra! flagra@motor1.com