Item de segurança será obrigatório a partir de 2020

Aos poucos, o controle de estabilidade (o ESP, de Electronic Stability Program, também chamado de ESC, de Electronic Stability Control) deixa de ser algo exclusivo de modelos mais caros e chega aos carros de entrada. Já obrigatório em lugares como Europa e Estados Unidos, começará a ser cobrado a partir de 2020 em todos os novos lançamentos e 2022 em todos os carros fabricados no Brasil. 

O sistema, que trabalha em conjunto com os freios ABS e acelerador, garante o controle do carro em situações que, por meio de acelerômetros, sensores nas rodas e inclinômetros, ele interprete que há uma perda da direção pelo motorista. O sistema está sempre acompanhado do controle de tração, que evita a patinação das rodas, mas nem sempre o controle de tração está em conjunto com o ESP, como no VW Up TSI. 

Selecionamos os 10 carros mais baratos com o equipamento. Quando opcional, o ESP foi adicionado (mesmo quando em pacote) para compor o preço final desta lista. A boa notícia é que todos estão abaixo dos R$ 60 mil. 

Toyota Etios 2019

1. Toyota Etios X 1.3 - R$ 48.400

Na linha 2019 do Etios, a Toyota colocou o ESP como item de série em todas as versões. Mesmo na X, que não tem rádio ou rodas de liga-leve, o sistema de segurança está acompanhado de controle de tração e assistente de partida em rampas.  

Fiat Uno Drive 2018

2. Fiat Uno Drive 1.0 (+Kit Tech) - R$ 48.514

Quando foi reestilizado, em 2016, o Uno ganhou novos motores da família Firefly e itens tecnológicos como o start/stop e a opção de controle de estabilidade em qualquer versão como opcional. No topo da lista, o Uno Drive 1.0 recebe o pacote "Kit Tech", que traz o ESP e assistente de subida em rampas, além de outros itens. Se quiser, há a versão Way, com o mesmo pacote opcional e motor, além do visual aventureiro, por R$ 50.070. 

Volkswagen Polo

3. Volkswagen Polo 1.0 (+Safety Pack) - R$ 51.070

Lançamento da Volkswagen, o Polo já chega ao mercado com 5 estrelas no Latin NCap. O ESP é um opcional na versão de entrada do hatch, mas não é caro. No total, ele chega aos R$ 51.530 já com o item, apenas R$ 1.080 pelo pacote que ainda traz computador de bordo e bloqueio de diferencial. 

Ford Ka

4. Ford Ka SEL 1.0 - R$ 55.990

Outro modelo que bateu na tecla do controle de estabilidade foi o Ford Ka de 2014, quando entrou em nova geração e começou a brigar em uma faixa superior, com Onix e HB20, por exemplo. Mas o item só aparece na versão topo, seja com motor 1.0 ou 1.5, a chamada SEL. Ao menos, é de série, junto com o assistente de saída em rampas e controle de tração. 

Toyota Etios 2019

5. Toyota Etios Sedã X 1.5 - R$ 53.240

Como aconteceu no hatch, o Etios Sedã também adota os controles de tração e estabilidade, além do assistente de partida em rampas, como item de série. 

Toyota Etios 2019

 6. Toyota Etios X Plus 1.5 - R$ 54.920

A nova versão do Etios adiciona sistema de som e rodas de liga-leve, além do motor 1.5 ligado ao câmbio manual de 6 marchas ou automático de 4 marchas. 

Uno Way

7. Fiat Uno Way 1.3 (+Kit Tech) - R$ 56.474

Gostou da ideia do Fiat Uno com ESP, mas não quer motor 1.0? O Way 1.3, com 101/109 cv, pode ter o mesmo pacote "Kit Tech" por R$ 56.474.

VW Polo 1.6

8. Volkswagen Polo 1.6 (+Safety Pack) - R$ 57.170

Como a versão 1.0, o Polo 1.6 também pode receber o pacote "Safety Pack", indo aos R$ 57.170, mas com motor de até 120 cv. 

Ford Ka+ Sedan SE

9. Ford Ka Sedan SEL 1.0 - R$ 57.290

Como no hatch, o Ka+, sua versão sedã, oferece o ESP como item de série apenas na versão topo, a SEL, com motor 1.0 ou 1.5. 

Honda Fit 2018

10. Honda Fit DX - R$ 58.700

Com a reestilização, o Honda Fit trouxe o item de segurança de série para todas as versões, inclusive a DX, mais barata, com câmbio manual. O mesmo não aconteceu com o City, curiosamente. 

Fotos: divulgação e arquivo Motor1.com