Cada vez mais próxima da estreia, a Fiat Toro 2022 segue em testes pelas ruas, agora usando cada vez menos camuflagem. A picape está rodando com um disfarce bem leve que já mostra suas linhas definitivas e alguns detalhes interessantes. Um deles aparece nas fotos do flagra feito pelo jornalista Raimundo Couto do jornal O Tempo, revelando que a Toro renovada terá um conjunto full-LED nos faróis com DRL para as versões mais caras.

As fotos mostram a nova Fiat Toro 2022 rodando durante o fim de tarde em Belo Horizonte (MG) e, com a chuva, ficou escuro o suficiente para que os faróis fossem ligados. A picape receberá um esquema full-LED, tanto para os faróis quanto para o DRL (luz de rodagem diurna) na parte superior, enquanto os faróis de neblina continuarão com lâmpadas halógenas. Outro detalhe interessante é que a luz de seta ficará integrada à iluminação diurna na parte superior, mudando para a cor amarela quando acionada.

 

Os disfarces, que estão bem mais leves agora, permitem visualizar as alterações na parte dianteira da picape, usando o estilo de design que foi antecipado pelo conceito Fastback durante o Salão do Automóvel de 2018. A inspiração está muito clara pelo formato da grade e o novo logo da FIAT no centro. Como o símbolo foi para baixo, a borda do capô e a parte cromada serão alteradas, perdendo a parte circular.

Fiat Toro 2022 - Flagra
Fiat Toro 2022 - Flagra do interior

A única parte da nova Toro que ainda vimos pouco é o seu interior. O canal Mundo Drive mostrou um vídeo de outro vídeo que passa pela cabine rapidamente e permite ver que terá uma central multimídia bem larga na vertical, em um estilo inspirado pela RAM 1500, embora um pouco menor e mais estreia. Também contará com um painel de instrumentos totalmente digital e é bem provável que aproveite a tecnologia que estará no Jeep Compass reestilizado.

Galeria: Flagra - Fiat Toro 2022

Será o primeiro modelo da Fiat a adotar o tão esperado motor 1.3 turbo, com potência por volta de 180 cv quando abastecido com etanol, enquanto o torque é estimado em 28 kgfm. Os últimos rumores apontam que utilizará a atual transmissão automática de 6 marchas do modelo 1.8, deixando a caixa do tipo CVT para a versão aspirada deste motor (que equipa Argo, Cronos e outros). Já o 2.0 turbodiesel deve passar por uma alteração de forma a reduzir a emissão de poluentes, mantendo o câmbio automático de 9 posições e a tração 4x4 com a 1ª reduzida.

A apresentação da Fiat Toro 2022 é esperada para o final do 1º semestre, chegando às concessionárias logo em seguida. Será o primeiro lançamento da fabricante para este ano, seguido do SUV baseado no Argo, que ficou para o 3º trimestre. Já a dupla Argo e Cronos deve receber a nova transmissão CVT para o motor 1.3 aspirado, substituindo a finada caixa automatizada GSR, com lançamento previsto também para este ano.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Veja também: Novo VW Taos, o concorrente do Jeep Compass

Envie seu flagra! flagra@motor1.com