Detran de SP anuncia unificação no CRLV-e da documentação veicular em meio digital

Atendendo à resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o Detran de São Paulo anuncia a partir desta segunda-feira (4) a emissão do Certificado de Registro de Veículo (CRV) em formato totalmente eletrônico. Dessa forma, o documento deixa de ser impresso em papel moeda (papel verde) e passa a ficar disponível diretamente no smartphone do proprietário.

A resolução do Contran determina o lançamento do chamado CRLV-e, que resulta na junção em um único documento digital do Certificado de Registro de Veículo (CRV) e do Certificado de Licenciamento (CRLV). Para aqueles que já possuem o documento de transferência do veículo no papel verde tradicional, a validade segue sem alterações para modelos adquiridos antes do dia 4/1/2021.

Galeria: Comparativo: Novo Peugeot 208 x Chevrolet Onix x Hyundai HB20

O Detran explica ainda que, se condutor vender seu carro a partir de amanhã, dia 5/1, e possuir o documento digital, deve solicitar a Autorização para Transferência de Propriedade do Veículo em meio digital (ATPV-e). A autorização garantirá ao vendedor e comprador do veículo maior agilidade na transação.

No entanto, continua obrigatória a entrega do CRV original (impresso no papel branco) com reconhecimento de firma no momento de compra e venda, mediante agendamento no portal do Detran. Para fins de fiscalização, o motorista poderá apresentar o CRLV-e na versão digital, via aplicativo, ou, se preferir, poderá imprimir o documento em papel comum. Porém, não haverá a obrigatoriedade do porte da versão impressa.

Fotos: Divulgação e Arquivo Motor1.com