SUV será fabricado em Pacheco e chegará ao Brasil para ficar entre T-Cross e Tiguan

A Volkswagen da Argentina aproveitou a cerimônia de comemoração da produção do veículo de número 1,5 milhão na fábrica de Pacheco (um exemplar V6 da picape Amarok) para divulgar à imprensa novas informações a respeito do projeto Tarek. Como já dito, trata-se de um SUV de porte intermediário que chegará ao mercado para preencher a lacuna existente entre o T-Cross e o Tiguan, rivalizando principalmente com o Jeep Compass.

Segundo a marca, a produção será iniciada na referida planta até o final de 2020 e consumirá aproximadamente US$ 650 milhões em investimentos. A ideia é iniciar a operação com 40% de conteúdo nacional e saltar para cerca de 60% em 2023 - índice considerado alto e equiparado apenas ao da Toyota Hilux, único veículo argentino com igual percentual de peças locais.

Galeria: Volkswagen Tharu - Fotos oficiais

A anúncio foi realizado pelo CEO da VW Argentina, Thomas Owsianski, que reafirmou o fato de o batismo comercial do veículo ainda não ter sido definido, já que Tarek na verdade é apenas o nome do projeto. Na China, onde o modelo já foi lançado, a marca adotou a alcunha Tharu, mas não há confirmação sobre o uso do mesmo nome no Brasil. Ainda na comparação com a versão chinesa, flagras realizados recentemente adiantam que a variante sul-americana terá design com detalhes exclusivos. Entre as novidades, destaque para novo para-choque frontal, rodas com desenho próprio e paleta de cores com tons mais adequados ao gosto local.

VW Tarek BR
VW Tarek BR

Construído sobre a plataforma MQB-A0, o Tarek medirá cerca de 4,45 metros de comprimento e 2,68 m de entre-eixos, com porta-malas de 445 litros. Para efeito de comparação, o Compass mede 4,41 m, 2,63 m e possui 410 litros, respectivamente. Mecanicamente, o conjunto adotado será exatamente o mesmo powertrain do T-Cross Highline: motor 1.4 TSI (150 cv e 25,5 kgfm) ligado ao câmbio automático de 6 marchas, sempre com tração dianteira. Tração integral ainda está em estudos, mas apenas para um segundo momento.

Além do Tarek, a VW prepara um crossover para atuar abaixo do T-Cross (que deverá se chamar T-Sport e usará entre-eixos do Polo) e uma picape de porte intermediário para rivalizar com a Fiat Toro. Já apresentada no Salão do Automóvel do ano passado na pele do protótipo Tarok, ela tem chegada prevista para 2021 - e também poderá ser feita na Argentina.

Fonte: Autoblog Argentina