Segunda geração do SUV será lançada no início da próxima década

Em uma mudança de estratégia inesperada, a próxima geração do Porsche Macan foi anunciada oficialmente como 100% elétrica. A decisão foi tomada pelo conselho da empresa, de forma que o SUV possa entrar no mesmo segmento que o Audi e-tron e o Mercedes-Benz EQC. As primeiras unidades devem sair da fábrica em Leipzig (Alemanha) em 2021.

Galeria: Porsche Macan S 2019

“Até 2022, estaremos investindo mais de seis bilhões de euros em mobilidade elétrica e, em 2025, metade dos novos veículos da Porsche terão um sistema de propulsão elétrico”, comenta Oliver Blume, presidente do Conselho de Administração da Porsche. “Apesar disso, ao longo dos próximos dez anos, vamos focar numa combinação de sistemas consistindo em motores a gasolina ainda mais otimizados, modelos híbridos plug-in e carros esportivos operados exclusivamente a eletricidade.”

A segunda geração do Porsche Macan continuará a ser fabricada em Leipzig, que receberá um investimento para que possa produzir o veículo elétrico. Os carros EV da fabricante adotarão uma plataforma chamada PPE (Premium Platform Electric), feita em parceria com a Audi. A Porsche ainda diz que o novo Macan terá o mesmo sistema de 800 volts do Taycan, que carrega 80% das baterias em 15 minutos.

Fotos: divulgação