E não é promoção, é a nova tabela

Praticamente todos os meses, alguns modelos passam por alterações em suas tabelas de preços. O esperado é sempre o aumento, porém a Ford seguiu outro caminho com a nova tabela da picape Ranger. Todas as versões ficaram mais baratas, com média de redução de 6%, segundo a marca. E não é uma promoção - ou seja, ainda dá para encontrar preços menores nas concessionárias. 

Segundo a Ford, o destaque é a versão XLS diesel AT 4x2, que teve uma redução de quase 17% no preço. “Com esse novo posicionamento, a Ranger vai atrair clientes de outros segmentos que sempre desejaram ter uma picape média diesel, mas acabavam optando por um modelo menor ou flex da mesma faixa de preço”, diz Fabrizzia Borsari, gerente de Produto da Ford. 

A redução pode ser explicada por dois fatores. O primeiro, a ameaça da VW Amarok e o distanciamento de Chevrolet S10 e Toyota Hilux no ranking de vendas entre as picapes médias. Outro é a possível chegada da reestilização, aplicada nos Estados Unidos e confirmada para a Argentina - local que produz a Ranger do mercado brasileiro. Veja a tabela.

MODELO PREÇO  REDUÇÃO
Ranger 2.5 Flex XLS manual R$ 109.390 R$ 1.400
Ranger 2.5 Flex XLT manual R$ 120.390 R$ 1.100
Ranger 2.5 Flex Limited manual R$ 127.390 R$ 1.340
Ranger 2.2 Diesel XL Chassis R$ 118.490 R$ 5.710
Ranger 2.2 Diesel XL Cabine Simples R$ 123.490 R$ 5.810
Ranger 2.2 Diesel XL Cabine Dupla R$ 130.490 R$ 9.100
Ranger 2.2 Diesel XLS 4x2 automática R$ 126.490 R$ 25.400
Ranger 2.2 Diesel XLS 4x4 manual R$ 145.490 R$ 11.970
Ranger 2.2 Diesel XLS 4x4 automática R$ 152.490 R$ 12.160
Ranger 3.2 Diesel XLT 4x4 automática R$ 173.990 R$ 9.500
Ranger 3.2 Diesel Limited 4x4 automática R$ 188.990 R$ 3.580

 

Galeria: Ford Ranger 2019