Compacto chega com motor 1.4 Fire Evo de 88 cv e câmbio manual de 5 marchas

O Fiat 500 volta a ser oferecido pelas concessionárias de todo o Brasil. Conforme antecipamos há um mês, a marca italiana irá trabalhar com uma estratégia diferente, trazendo o compacto em apenas uma versão, a Cult 1.4 Evo Flex com câmbio manual, por R$ 61.396. Segue importado do México e com o design antigo – a reestilização ainda não foi lançada no mercado norte-americano, por isso modelo mexicano ainda não foi atualizado.

Limparam completamente a linha do Fiat 500. Nada de versão esportiva Abarth, variante conversível ou mesmo o modelo com câmbio automático. Quem quiser o compacto irá encontrá-lo somente com o motor 1.4 Fire EVO Flex 8V, de 88 cv a 5.750 rpm e 12,5 kgfm a 3.500 rpm, sempre combinado ao câmbio manual de 5 marchas, descartando a opção do automatizado Dualogic. O 1.4 MultiAir de 107 cv também fica de fora.

Fiat 500 2017

O estiloso subcompacto não terá pacote de opcionais. Ele já vem de série com ar-condicionado, assistente de partida em rampa, banco do motorista com ajuste de altura, coluna de direção com ajuste de altura, computador de bordo, controle de estabilidade e tração, direção elétrica, retrovisores com ajuste elétrico e rodas aro 15” de liga leve. Uma das poucas novidades é a central multimídia Uconnect com tela sensível ao toque de 5”, além de indicador de troca de marcha e teto solar elétrico, antes vendidos à parte.

A oferta de apenas uma versão do Fiat 500 indica uma tentativa de não deixar o modelo cair no esquecimento. A marca deve esperar pelo lançamento da versão reestilizada, que será produzida no México apenas em 2018, para apostar em mais configurações. Além disso, o novo regime automotivo entrará em vigor em janeiro, o que pode facilitar a importação do compacto (com redução dos impostos). Quem sabe não será o momento para a volta do esportivo 500 Abarth?

Fotos: divulgação

Galeria: Fiat 500 2017