Versão mais completa e potente do SUV compacto ultrapassou os R$ 130.000. É uma boa compra?

Desde que trocou de geração em 2020, o Tracker se tornou um dos modelos mais importantes da Chevrolet no Brasil, finalmente conquistando seu espaço entre os SUVs compactos mais vendidos - algo que a geração anterior, importada do México, nunca conseguiu. Mesmo tão recente, já teve algumas mudanças, como a oferta do motor 1.2 turbo apenas na versão Premier, a topo da linha, e melhorias em conectividade. 

Aqui testamos o Chevrolet Tracker Premier 1.2 Turbo 2022, a mais completa e que custa R$ 132.290 com exclusividades, como o motor mais potente, o teto-solar panorâmico e, como todas as versões da linha 2022, espelhamento de smartphones sem fio no sistema multimídia com tela de 8".

Chevrolet Tracker Premier 1.2 2022 - Prós e Contras

Quem compra um SUV compacto desta faixa de preço dificilmente procura esportividade, mas conforto para passar pelos obstáculos do dia-a-dia. O Chevrolet Tracker se apoia nestes pontos e conta com um bom ajuste de suspensão e uma altura em relação ao solo de 157 mm, o suficiente para que passe por aqueles obstáculos urbanos, como lombadas, valetas e buracos, com tranquilidade. O rodar é bem macio e absorve muito bem os solavancos e vibrações que vem do solo. Comparado com os irmãos Onix e Onix Plus, o Tracker é um carro mais confortável dentro desta plataforma. 

Chevrolet Tracker Premier 1.2 2022 - Prós e Contras

Um dos pontos mais interessantes do Chevrolet Tracker é a lista de equipamentos. A versão Premier 1.2T vem com seis airbags, controles de estabilidade e tração e assistente de partida em rampas, ar-condicionado automático, teto-solar panorâmico elétrico, carregador wireless para smartphones, alerta de ponto cego, sistema de estacionamento automático, frenagem automática de emergência, sensores de luz e de chuva, conexão Wi-Fi, entre outros. Alguns deles ainda são exclusivos do modelo da Chevrolet no segmento.

Chevrolet Tracker Premier 1.2 2022 - Prós e Contras

Algumas montadoras, até premium, estão demorando para adotar o espelhamento de smartphones sem fio em seus sistemas multimídia. A Chevrolet foi uma das primeiras a colocar a tecnologia em modelos de uma faixa de preço inferior e é principal novidade do Tracker 2022. A conexão wireless era o que faltava ao usar Android Auto ou Apple CarPlay no SUV, resolvendo problemas causados pelos fios que ficam pendurados, como quebras e falhas em conexão, algo bastante comum em sistemas que pedem o uso físico.

Chevrolet Tracker Premier 1.2 2022 - Prós e Contras

Em teoria, um Tracker 1.0 turbo é mais econômico que o 1.2 turbo, certo? Na verdade, não. Por ser um modelo mais pesado que o Onix, acaba exigindo mais do motor menor para levar tanto seu maior peso quanto a aerodinâmica não tão boa quanto em um sedã ou hatch. Pelo Inmetro, o Tracker 1.2 turbo registrou 9,4 km/litro na estrada e 7,7 km/litro na cidade (com etanol), ou seja, o mesmo que a versão 1.0 turbo no ciclo urbano, e apenas 0,4 km/litro a menos no rodoviário. Em nossos testes, o 1.2 turbo registrou 8,6 km/litro na cidade e 12,2 km/l na estrada - o 1.0 turbo marcou o mesmo na cidade e fez 1 km/litro menos na estrada.

Chevrolet Tracker Premier 1.2 2022 - Prós e Contras

Quem for de um Onix para o Tracker vai encontrar praticamente o mesmo carro por dentro. Há muito plástico duro e com uma textura bem simples. A única diferença aparece no revestimento sintético usado no painel e nas portas dianteiras, com uma cor azulada que divide opiniões. Mesmo assim, ele ainda fica muito próximo do hatchback consideravelmente mais barato e longe da qualidade e cuidados vistos em outros modelos do seu segmento.

Chevrolet Tracker Premier 1.2 2022 - Prós e Contras

Andar no Tracker não é muito silencioso. Reclamações sobre os barulhos do SUV compacto são bem comuns nos grupos no Facebook e no Reclame Aqui. No caso da unidade testada, os ruídos apareceram no motor 1.2 turbo e também algo vindo da traseira – com atenção, percebemos que ele vinha do porta-malas, onde a tampa inferior, que cobre o estepe, bate no plástico do acabamento e na lataria.

No caso do motor, o barulho aparece em paradas, ficando acima do normal para um 3-cilindros. Às vezes, aparece até ao desligar o carro, fazendo um som como se algo estivesse batendo e leva alguns segundos até parar. A GM diz que esse som é característico dos motores de três cilindros.

Chevrolet Tracker Premier 1.2 2022 - Prós e Contras

O Chevrolet Tracker 1.2 turbo pode até ser mais econômico quanto o 1.0, mas isso não significa que você vá ficar longe do posto de combustível por muito tempo. O problema é que o tanque de combustível é de apenas 44 litros, um dos menores do segmento – só perde para os 41 litros do Nissan Kicks. Isso faz com que você tenha que buscar uma condução bem comedida para manter um bom rendimento e não ter que parar para abastecer com frequência. Com nossos números de teste (etanol), temos uma autonomia de 352 km na cidade e 536 km na estrada. Alguns concorrentes se aproximam dos 60 litros de capacidade.

Fotos: Mario Villlaescusa (para o Motor1.com)

FICHA TÉCNICA: Chevrolet Tracker Premier 1.2 2022

MOTOR dianteiro, transversal, três cilindros, 12 válvulas, 1.200 cm3, comando duplo variável, turbo, flex
POTÊNCIA/TORQUE

132/133 cv a 5.500 rpm; Torque: 19,4/21,4 kgfm a 2.000 rpm

TRANSMISSÃO câmbio automático de 6 marchas, tração dianteira
SUSPENSÃO independente McPherson na dianteira e eixo de torção na traseira
RODAS E PNEUS liga-leve aro 17" com pneus 215/55 R17
FREIOS discos ventilados na dianteira e tambores na traseira, com ABS e ESP
PESO 1.271 kg em ordem de marcha
DIMENSÕES comprimento 4.270 mm, largura 1.791 mm, altura 1.626 mm, entre-eixos 2.570 mm
CAPACIDADES tanque 44 litros, porta-malas 393 litros
PREÇO R$ 133.290
MEDIÇÕES MOTOR1 BR (etanol)
    Chevrolet Tracker 1.2T AT
  Aceleração  
  0 a 60 km/h 4,3 s
  0 a 80 km/h 6,4 s
  0 a 100 km/h 9,5 s
  Retomada  
  40 a 100 km/h em D 7,3 s
  80 a 120 km/h em D 6,8 s
  Frenagem  
  100 km/h a 0 41,6 m
  80 km/h a 0 26,2 m
  60 km/h a 0

14,7 m

  Consumo  
  Ciclo cidade 8,6 km/l
  Ciclo estrada 12,2 km/l

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com