Nova tabela já aparece no configurador da marca, com aumentos entre R$ 600 e R$ 6.000

  • Reajustes ficam entre R$ 600 e R$ 6 mil
  • Compass S ultrapassa a barreira dos R$ 200 mil
  • Renegade Trailhawk passa a custar mais de R$ 150 mil

A Fiat-Chrysler não escapou de aumentar os preços em virtude da disparada do dólar e da falta de rentabilidade enquanto as fábricas e as concessionárias estão fechadas. Apesar de ter anunciado uma condição especial com pagamento de parcelas pela marca, tanto Jeep Compass quanto Renegade tiveram seus preços elevados entre R$ 600 e R$ 6 mil, dependendo do modelo e versão. Isso faz com que o Renegade tenha valores entre R$ 82.490 e R$ 152.990, enquanto o Compass agora vai de R$ 121.990 a R$ 205.990.

Com exceção da versão para PCD, que segue por R$ 69.990, todas as versões do Jeep Renegade ficaram mais caras. A variante STD de entrada passou de R$ 80.990 para R$ 82.490, um aumento de R$ 1.500, enquanto a Sport 1.8 Flex é vendida por R$ 91.590 (justamente o menor reajuste, de R$ 600). A versão Longitude teve um aumento de R$ 700 e passa a ser comercializada por R$ 106.190. No topo da linha com o motor flex está o Renegade Limited, por R$ 113.990, R$ 1.000 a mais do que a tabela anterior. Todos utilizam o motor 1.8 E.torQ de 139 cv a 5.750 rpm e 19,2 kgfm a 3.750 rpm, sempre com transmissão automática de 6 marchas.

Galeria: Jeep Renegade 2020 (Oficial)

Os clientes que quiserem o SUV compacto com o motor 2.0 turbodiesel de 170 cv a 3.750 rpm e 35,7 kgfm a 1.750 rpm, terão que pagar R$ 141.990 na versão Longitude, que está R$ 3.000 mais cara. A versão Trailhawk, pronta para fazer trilhas, ultrapassa a barreira dos R$ 150 mil e passa a ser vendido por R$ 152.990, um aumento de R$ 3.000 sobre os R$ 149.990. Em todos os casos, a transmissão é a automática de 9 marchas.

No caso do Jeep Compass, os aumentos foram bem mais expressivos para quase toda a linha. A única versão que escapou do reajuste foi a variante Limited 2.0 diesel, mantendo o preço de R$ 185.990. As versões flex partem de R$ 121.990, cobrados pela versão Sport com um aumento de R$ 2.500. Logo acima está o Compass Longitude, por R$ 134.990, mostrando um aumento de R$ 2.000. A opção mais cara abastecida com gasolina ou etanol é a Limited, que teve um acréscimo de R$ 4.000 e agora é vendida por R$ 153.990. A mecânica é formada pelo 2.0 Flex de 166 cv a 6.200 rpm e 20,5 kgfm a 4.000 rpm, com etanol, e câmbio automático de 6 marchas.

Galeria: Jeep Compass S

Para adicionar o motor 2.0 turbodiesel de 170 cv (o mesmo usado pelo Renegade), o preço passa para R$ 170.990, cobrados pelo Compass Longitude, com um aumento de R$ 5.000. A configuração Trailhawk ficou R$ 4.000 mais cara e agora é vendida por R$ 189.990. Por fim, a Série S, que aposta em mais equipamentos de segurança, foi a que mais encareceu ao receber um acréscimo de R$ 6.000, elevando o seu preço para R$ 205.990.

Veja a nova tabela de preços de Jeep Renegade e Compass:

MODELO PREÇO ATUAL PREÇO ANTERIOR DIFERENÇA
Renegade 1.8 flex AT6 (PcD) R$ 69.990 -------------------------------- --------------------------------
Renegade STD 1.8 flex AT6 R$ 82.490 R$ 80.990 + R$ 1.500
Renegade Sport AT6 1.8 16V Flex R$ 91.590 R$ 90.990 + R$ 600
Renegade Longitude AT6 1.8 16V Flex R$ 106.190 R$ 105.490 + R$ 700
Renegade Limited AT6 1.8 16V Flex R$ 113.990 R$ 112.990 + R$ 1.000
Renegade Longitude AT9 4x4 2.0 Turbodiesel R$ 141.990 R$ 138.990 + R$ 3.000
Renegade Trailhawk AT9 4x4 2.0 Turbodiesel R$ 152.990 R$ 149.990 + R$ 3.000
       
Compass Sport 2.0 Flex AT6 R$ 121.990 R$ 119.490 + R$ 2.500
Compass Longitude 2.0 Flex AT6 R$ 134.990 R$ 132.990 + R$ 2.000
Compass Limited 2.0 Flex AT6 R$ 153.990 R$ 149.990 + R$ 4.000
Compass Longitude 2.0 Diesel AT9 4x4 R$ 170.990 R$ 165.990 + R$ 5.000
Compass Limited 2.0 Diesel AT9 4x4 R$ 185.990 -------------------------------- --------------------------------
Compass Trailhawk 2.0 Diesel AT9 4x4 R$ 189.990 R$ 185.990 + R$ 4.000
Compass S 2.0 Diesel AT9 4x4 R$ 205.990 R$ 199.990 + R$ 6.000

Fotos: Divulgação

Galeria: Jeep Compass 2020