Modelo será produzido na Índia e poderá ter espaço no Brasil também

Um novo SUV compacto da Renault está confirmado para o segundo semestre de 2020. A afirmação foi feita por Venkatram Mamillapalle, CEO da Renault Índia em entrevista ao site Indian Times. A novidade será o principal foco de trabalho da montadora francesa após o lançamento do facelift do Kwid.

"O lançamento acontecerá no segundo semestre do próximo ano", disse Mamillapalle. Com projeto chamado de Renault HBC, o novo SUV será produzido sob a plataforma CMF-A+, a mesma da engenhosa minivan Triber, que mesmo derivada do Kwid, tem capacidade para transportar até sete passageiros.

Para atender as regulamentações de emissões de poluentes indianas, o novo SUV compacto da Renault já nascerá equipado com o novo motor 1.0 de três cilindros turbo a gasolina, o mesmo que equipa as novas gerações do Nissan March o Renault Clio europeus. Este propulsor deve ser associado a uma transmissão manual de 5 velocidades nas versões de entrada e com o automático do tipo CVT nas configurações superiores.

Galeria: Renault Triber

Demais especificações técnicas, como dimensões e entre-eixos, não foram revelados. A imprensa indiana especula que a comprimento máximo deve ficar em 3,99 m, beneficiando assim da faixa de preço mais barata para aquele país. Para se ter uma ideia do quão compacto deve ser o novo SUV da Renault, caso se confirme os 3,99 m de comprimento, ele seria exatos 31 cm maior que o Kwid.

Em relação ao visual, a expectativa é de que mantenha o porte pequeno, mas com estilo mais robusto de um SUV. A dianteira deve ditar o padrão mais agressivo com conjunto óptico divido em dois níveis, rodas de liga leve com aro de 16 polegadas, rack no teto e as tradicionais molduras plásticas nas caixas de roda.

Renault Triber
Interior deve seguir padrão do Renault Triber

No Brasil, poderia ocupar posição semelhante ao do Renault Sandero Stepway. Neste cenário, a gama da Renault poderia contar com o Kwid como seu carro de entrada (e chamado de SUV dos compactos), na sequência o novo SUV do projeto HBC com 3,99, depois o Duster com 4,33 e por fim o Renault Captur.

Se você acha que esta seria uma opção de baixo custo, o novo Renault não é o limite. Na Índia também é esperada uma versão sob a marca Datsun, ainda mais simples, mas isso só depois do lançamento da Renault.

Fonte: Indian Autos Blog