Picape será posicionada entre Saveiro e Amarok, com motor 1.4 TSI e 2.0 TDI de 150 cv

Apresentada no Salão do Automóvel de São Paulo do ano passado, a Volkswagen Tarok é um conceito que antecipa uma picape entre Saveiro e Amarok, feita para entrar exatamente no segmento da Fiat Toro e Renault Duster Oroch. Na ocasião, a fabricante não deu muitos detalhes sobre sua produção. De acordo com o jornal Ámbito Financiero, a VW estuda fabricá-la na Argentina, no complexo em General Pacheco, mas que isso só aconteceria em 2021.

Galeria: Volkswagen Tarok Concept

Durante o #GolDay na Argentina, evento que lançou o Gol reestilizado por lá, executivos da Volkswagen comentaram sobre o futuro da marca no país. O Ámbito Financeiro ouviu de algumas fontes que a fabricante está conversando com fornecedores locais para entender se será possível produzir a picape por lá. A ideia é aproveitar que a linha de montagem irá trabalhar com a plataforma MQB para o Tarek e usar as mesmas peças, ganhando em escala. Porém, a produção é esperada somente para 2021, pois a prioridade é do SUV médio (que também só será lançado em 2021).

A Volkswagen Tarok é uma picape feita com a plataforma MQB em sua versão normal, usada no Golf e Tiguan. Ela traz um pouco de vários modelos da marca, como o design do T-Cross. Seu nome é uma mistura de Tarek (o futuro SUV médio da empresa) e Amarok. O conceito tinha 4,9 metros de comprimento e capacidade de carga de 1 tonelada, adotando soluções interessantes como a caçamba variável, com bancos que podem ser dobrados e erguidos, enquanto o painel traseiro é rebatido para aumentar o espaço útil para cargas.

Galeria: Volkswagen Tarok Concept - Salão de SP 2018

Em sua versão conceitual, a Tarok era equipada com um motor 1.4 TSI de 150 cv e câmbio automático de 6 marchas, contando com tração integral 4Motion. A Volkswagen ainda disse que a picape usará também o 2.0 turbodiesel de 150 cv. Também trazia alguns itens do T-Cross, como o painel de instrumentos digital Active Info Display e uma central multimídia de 8”.

Fonte: Ámbito Financiero
Fotos: divulgação e Donizetti Castilho