Quadriciclo surge como solução de mobilidade nas cidades, competindo com o Renault Twizy

Muitas fabricantes tentam antecipar como será o carro do futuro e como ele será utilizado. O Grupo Volkswagen apresenta uma de suas propostas com o Seat Minimó, conceito que adianta um pequeno quadriciclo para duas pessoas que poderia ser usado por empresas de compartilhamento de carros. O elétrico tem autonomia de 100 km e utiliza um pacote de baterias que pode ser trocado, facilitando o trabalho de recarga.

Galeria: Seat Minimó Concept

Basta olhar para o Seat Minimó para lembrar de outro carro bem parecido, o Renault Twizy. Os dois são bem próximos em construção. A diferença é que o Minimó já resolve uma das grande críticas sobre o Twizy, com uma carroceria totalmente fechada, enquanto o francês é vendido sem janelas, item opcional para o modelo. Ele mede 2,5 metros de comprimento e 1,24 m de largura, medidas que o permitem ser estacionado em lugares designados para motos na Europa.

Como todo conceito com pegada futurista, o Minimó traz um design bem fora do comum. Tem um farol central triangular, rodado por duas linhas bem finas em LED para iluminação diurna. Na traseira estão duas lanternas também de formato triangular. O quadriciclo tem espaço para duas pessoas, na configuração 1+1.

Do lado de dentro está um volante bem fino e com controles para o painel de instrumentos digital. O carro utiliza um sistema feito em parceria com a Google, rodando o Android Auto no display do veículo por conexão 5G, que pode ser controlado também pro voz usando o Google Assistente. O carro tem até um sistema configurável que sabe a idade do motorista, limitando a velocidade máxima para 45 km/h caso tenha 16 anos.

Seat Minimó Concept
Seat Minimó Concept

O veículo foi feito pensando nos serviços de compartilhamento de carros. Uma prova disso é o seu sistema de baterias, que pode ser trocado em poucos minutos, o que agiliza o uso do veículo. Tem autonomia de 100 km e, como não precisaria ser levado para pontos de recarga toda vez que a bateria estiver quase vazia, os custos de operação para as empresas de carsharing seriam reduzidos em 50%.

A Seat foi escolhida como a marca do Grupo Volkswagen que terá as iniciativas de mobilidade individual. “Micromobilidade, caracterizada como viagens curtas de menos de 10 quilômetros, hoje representam cerca de 60% do total. É um negócio de alto potencial para uma empresa de mobilidade como queremos ser”, explica Luca de Meo, presidente da Seat.

Seat Minimó Concept
Seat Minimó Concept

O Seat Minimó será usado em Barcelona para testes da tecnologia 5G, em parceria com a Telefonica. O projeto, chamado 5G Barcelona, inclui um sistema de comunicação entre veículos e infraestrutura, o primeiro passo para a verdadeira condução autônoma. Embora já tenha começado a ser testado nas ruas espanholas, ainda levará algo tempo para obter dados o suficiente para que seja implementado.

Fotos: Seat