Executivo confirma modelo e diz que será voltada ao trabalho

Enquanto no Brasil temos a Renault Duster Oroch, a Dacia, fabricante romena que desenvolve o Duster, fará sua própria picape baseada no SUV. Nós temos uma ideia de como ela deve parecer, pois um protótipo já foi construído pela empresa Romturingia. Não era oficial, mas a Renault gostou tanto da ideia que começou a homologar essa picape para lançá-la ainda em 2019.

Em entrevista ao site 0-100.ro, Hakim Boutehra, Diretor Geral de veículos comerciais da Renault Romênia, anunciou os planos para a picape baseada no novo Duster. Para isso, os engenheiros do centro técnico em Titu fizeram uma parceria com o pessoal da própria Romturingia.

Pouco se sabe sobre a picape, mas Boutehra disse que "será uma máquina voltada para o trabalho, e não como a Oroch". Embora a Oroch seja a mais acessível das picapes de seu segmento, a Renault Romênia ainda a vê como um produto de lifestyle e, por isso, está fora dos planos da Dacia. A ideia é oferecer veículos sem firulas e que sejam mais baratos.

Galeria: Picape Dacia Duster

Além de anunciar a nova picape do Duster, Boutehra ainda comentou um pouco sobre os planos da Dacia para 2019. A marca lançará, no mínimo, três edições especiais, incluindo uma do SUV. A Dacia tornou-se uma marca importante para a Europa, tornando-se a 14ª mais vendida em 2018, superando até a Kia. A marca romena vendeu um total de 528.249 veículos, um aumento de 11,7% comparado ao ano anterior.

Se tudo der certo, a nova picape do Duster começará a ser vendida no segundo trimestre deste ano, começando pela Romênia. Ainda não sabemos se será vendida como cabine simples, como a unidade feita pela Romturingia, ou se será esticada para ter cabine dupla.

No Brasil, ainda esperamos pela estreia da segunda geração do Renault Duster. O plano inicial de lançamentos da marca era trabalhar com Sandero e Logan reestilizados no primeiro semestre, enquanto a segunda metade do ano seria o momento da picape média Alaskan, o que deixava o SUV para 2020. O atraso na produção da Alaskan na Argentina, porém, pode fazer com que o novo Duster chegue ainda em 2019.

Fonte: 0-100.ro via Automarket.ro