Futura rival da Toro no Brasil, picape já faz sucesso nos Estados Unidos

O Bronco não é único modelo da Ford a fazer sucesso antes mesmo de chegar nas lojas. Isso porque a nova picape Maverick mal foi lançada na semana passada e já acumula nada menos do que 36.000 pedidos de reserva nos Estados Unidos (pré-venda), segundo a marca do oval azul. Posicionada abaixo da Ranger, a nova Maverick chega como uma picape com uma proposta urbana e versátil – o que certamente deve ter agradado os americanos.

Pois é, não é a primeira vez que a Ford lança um novo veículo na terra do tio Sam que faz sucesso e, geralmente, os pedidos de reserva se convertem em vendas reais. Bom exemplo é o citado Bronco, que de 190.000 reservas feitas, 125.000 acabaram efetivamente sendo vendidas ao consumidor final. Outro bom exemplo foi a picape 100% elétrica F-150 Lightning, que bateu 100.000 reservas em aproximadamente três semanas desde o lançamento oficial em maio. Até a van comercial E-Transit, versão 100% elétrica do modelo, tem muitos pedidos de reserva: atualmente são 20.000 na fila de espera.

Galeria: Ford Maverick 2022

Se a nova Maverick seguir o mesmo sucesso do Bronco, que teve 65,8% das reservas convertidas em vendas, a nova picape com certeza vai conquistar seu espaço no mercado americano. Podemos dizer que parte dessa boa receptividade pela picape é que por conta do seu preço inicial na versão XL, que começa em US$ 19.995 (R$ 100.400) – sendo mais barata até que o EcoSport ainda vendido por lá (o SUV compacto parte de US$ 20.395 – ou R$ 102.409). Logicamente essa versão é a mais básica, mas uma Maverick topo de linha na versão Lariat sai por US$ 25.490, um preço bastante competitivo e difícil de bater.

Ford Maverick 2022

Com 5,07 metros de comprimento, 1,84 m de largura, 1,74 m de altura e distância entre-eixos de 3,07 m, a nova picape vem sempre equipada de série com motor 2.5 híbrido, que tem potência combinada de 193 cv, câmbio automático eCVT e tração dianteira. Mas vale lembrar que a Ford oferece também um motor 2.0 EcoBoost turbo, que entrega 253 cv a 5.500 rpm e 38,3 kgfm a 3.000 rpm, trabalhando sempre com uma transmissão automática de 8 marchas. Quando equipada com esse conjunto, a tração é integral.

Com previsão de chegar nas lojas americanas a partir de setembro, a Maverick tem tudo para ser um dos veículos mais vendidos nos Estados Unidos, já que ela custa até mais barato do que alguns modelos de entrada por lá, como o Honda Civic (US$ 21.700 ou R$ 108.818) e Toyota Corolla (US$ 20.025 ou R$ 100.419). Com o sucesso de 36 mil reservas da Maverick, podemos falar que a Ford criou um produto desejado e que ocupa uma lacuna de preço abandonada pela marca, no momento que decidiu aposentar os carros de passeio e focar basicamente nos SUVs mais caros há alguns anos.

Resta saber se a picape sofrerá como o Bronco com a falta de semicondutores que ainda continua assolando a indústria mundial. Com isso, não se surpreenda se houver atrasos nas entregas das picapes reservadas nos EUA.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com