Dupla produzida em Anápolis (GO) registrou 4.371 unidades vendidas no ano

A Hyundai CAOA comemora importante resultado no mercado de veículos comerciais em 2020. Apesar dos fortes impactos da crise gerada pela pandemia de COVID-19, os caminhões da empresa acumularam vendas 3% acima do resultado alcançado em 2019. Na prática, foram 4.371 unidades emplacadas dos modelos HR e HD80.

“Mesmo em um ano muito difícil para todos, a CAOA manteve todos os seus investimentos e seguiu acreditando no Brasil. Essa alta nas vendas dos nossos veículos comerciais, reafirma o sucesso dos utilitários Hyundai HR e Hyundai HD80 por oferecer relação custo x benefício que supera a concorrência", afirmou o diretor executivo da CAOA, Roberto Kovacs.

Galeria: Hyundai HD80

O HR registrou o volume mais expressivo - 4.146 unidades - e mais uma vez marcou posição como líder do segmento (posto que ocupa há nada menos que 16 anos). Entre outros diferenciais, oferece permissão para trafegar em grandes centros urbanos, onde o tráfego de caminhões é restringido pela legislação. Desde 2007, é produzido em Anápolis (GO).

Maior e mais robusto, o HD80 também sai da fábrica goiana, mas só começou a ser produzido efetivamente em 2017. Oferece a maior capacidade de carga da categoria - 5.263 kg de capacidade de carga útil + carroceria - e motor diesel biturbo 3.0 com 170 cv de potência e sistema de injeção EGR (que dispensa o uso do Arla 32). Em 2020, emplacou 225 unidades.

Hyundai HD80
Cabine do HD80

Atualmente, a CAOA é a maior distribuidora de veículos Hyundai no Brasil e a única a comercializar a linha completa da marca, desde os compactos HB20 e Creta produzidos em Piracicaba (SP) até os goianos New Tucson e ix35, bem como os importados Azera e Santa Fe.