Crossover terá alterações na plataforma e motor 1.3 turbo com tração integral

Se você se perguntou o que seria do Renault Captur após a estreia do novo Duster no Brasil, aí está a resposta: o SUV acaba de ser renovado na Rússia, seu país de origem. Prometido para chegar ao mercado ainda no 1º semestre, o modelo mudou pouco na parte visual, mas investe em mudanças no interior, motorização e até mesmo na plataforma, buscando inspiração no SUV-cupê Arkana. A expectativa é que este Captur renovado chegue ao Brasil em 2021, sendo o primeiro Renault nacional a estrear o motor 1.3 turbo desenvolvido em parceria com a Mercedes-Benz.

Galeria: Renault Captur 2021

Como a estreia nas concessionárias na Rússia levará mais um tempo, a fabricante não divulgou muitos detalhes sobre o Renault Captur 2021. No comunicado enviado à imprensa, a marca destaca apenas que o crossover manteve seu “exterior expressivo”, ganhando um interior “completamente redesenhado”, além de “opções únicas para o segmento e as soluções mais avançadas de multimídia.”

O ângulo da imagem divulgada do interior não ajuda muito na hora de identificar as novidades. Aproximando a foto, podemos notar que está com o novo volante usado também pela segunda geração do Duster. Outro detalhe é que a multimídia tem um botão na lateral, indicando que será um novo sistema. O modelo em questão tem detalhes azuis nos bancos e no painel. A foto do exterior mostra que terá faróis de LED com uma pequena mudança interna e grade com pequenas linhas cromadas, ao invés das hastes horizontais do modelo atual. Não há imagens da traseira.

A Renault diz que o Captur renovado é o segundo modelo a usar “a nova geração da plataforma modular de SUV" da marca, que estreou com o SUV-cupê Arkana. Segundo nossos colegas do Motor1.com Rússia, na verdade é a arquitetura B0 que já equipa o modelo atual, porém com as alterações que foram feitas para o Arkana. Pouco antes do lançamento do crossover, a fabricante explicou que a plataforma tem 55% de peças novas. Também receberá direção elétrica (enfim) e um novo conjunto de suspensão.

Renault Captur 2021

Outro detalhe adiantado pela marca é que o Captur reestilizado ganhará o motor 1.3 turbo, conhecido como TCe150, com 150 cv de potência. Trabalhará com uma nova versão da transmissão automática do tipo CVT e contará até com um sistema de tração integral. O motor 1.3 turbo já é esperado para o Brasil em 2021, então é grande a chance de ele estrear no Captur, para depois seguir para o novo Duster - o motor 1.6 aspirado será mantido para as opções de entrada. Deverá ser próximo do modelo russo em visual e acabamento, recebendo a direção elétrica e a nova multimídia EasyLink de 8" do Duster.

Na Rússia, o Renault Captur 2021 será apresentado por completo ainda no 1º semestre de 2020, chegando às lojas logo em seguida. Já no Brasil, o Captur é esperado apenas para o ano que vem.