SUV ainda ganhará versão esportiva R com cerca de 300 cv e variante híbrida plug-in

Alguns dias atrás vimos uma foto no Instagram com o Volkswagen Tiguan reestilizado sem nenhum disfarce. A imagem deu algumas dicas do que a fabricante alemã prepara para um de seus carros mais vendidos, enquanto os russos do site Kolesa.ru aproveitaram para criar uma projeção de como deve ficar o SUV médio. A apresentação é esperada para este ano, como modelo 2021, e deve chegar ao Brasil apenas no ano que vem.

Galeria: Volkswagen Tiguan 2021 - Projeção

Os desenhos virtuais propõe uma aparência bem mais madura para o SUV médio, com a adoção de uma entrada de ar maior no para-choque e um novo formato para a grade frontal, mais parecido com o irmão menor T-Roc (o crossover do Golf para a Europa). Os russos imaginaram o Tiguan na variante topo de linha R-Line, que recebe uma aparência mais esportiva com a adição de saias laterais, difusor traseiro e escapamento com saída dupla. Há também um spoiler sobre a tampa do porta-malas, rodas maiores e o logotipo da versão.

A traseira também mostra lanternas com uma nova disposição interna, com mais elementos em LED. Os artistas russos acreditam que há chances da Volkswagen colocar o logo "Tiguan" no centro da tampa do porta-malas, da mesma forma que foi feito com Arteon, Touareg e a nova geração do Golf.

De acordo com as últimas notícias, o Volkswagen Tiguan reestilizado será apresentado neste ano junto com o protótipo do Tiguan R (este em uma versão praticamente pronta para produção). A variante esportiva do crossover será lançada em 2021 com motor 2.0 turbo e transmissão DSG de dupla embreagem, entregando cerca de 300 cv de potência. Há rumores também sobre a variante híbrida plug-in do Tiguan, já vista em testes, mas que chegará às concessionárias na Europa apenas em 2022. A estreia do SUV médio é esperada para os próximos meses, com grandes chances de aparecer Salão de Genebra (Suíça), em março.