Modelos serão baseados nos conceitos mostrados no Salão do Automóvel de 2018

Além de mostrar o conceito Fastback, que adianta um pouco da nova identidade visual da marca e a ideia de ter um SUV, a Fiat revelou dois outros protótipos no Salão do Automóvel de São Paulo de 2018. Foram eles o Argo Sting e o Cronos Sport, dois modelos que apostam em um visual diferenciado para se destacar. Ambos serão lançados no 2º semestre, ainda sem motorização definida. Pelo que apuramos, até mesmo o nome pode mudar, embora a fabricante deva manter a nomeclatura do hatch, pois registrou tanto o batismo quanto o logotipo no Brasil.

Fiat Argo Sting (INPI)

O Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) revela o pedido de registro de marca do Fiat Argo Sting, como você confere na imagem acima. O fato de ter sido pedido em maio passado e ter até um logotipo dá a entender que ele manterá o nome no lançamento. Porém, fontes ligadas à marca disseram ao Motor1.com que nada foi decidido, podendo mudar de nome e que o registro havia sido feito somente por conta do conceito. Nesta configuração, o hatch recebe rodas aro 17” na cor preta, faróis full-LED, para-choques redesenhados e novo aerofólio.

Fiat Argo Sting, Cronos Sport e Toro Rescue - Salão de SP 2018
Fiat Argo Sting, Cronos Sport e Toro Rescue - Salão de SP 2018

Outro modelo a ser lançado é o Cronos Sport, variante do sedã que ganhou carroceria pintada de vermelho, teto e rodas em preto, saias laterais negras e um spoiler na tampa traseira. Esta variante já até foi vista em testes, como mostra o flagra feito por nossos colegas do Autos Segredos. Tanto o Argo Sting quanto o Cronos Sport eram equipados com o motor 1.8 E.torQ de 139 cv a 5.750 rpm e 19,3 kgfm a 3.750 rpm, acoplado ao câmbio automático de 6 marchas. Nossas fontes dizem que nem mesmo a motorização foi definida, mas é provável que seja mantida como nos conceitos.

Fiat Cronos esportivo em testes

A única coisa certa sobre ambos é o lançamento no 2º semestre deste ano. A Fiat trabalha para fechar tanto o design quanto motorização e nome das versões. Como de costume, essas séries especiais servirão para dar mais fôlego tanto ao hatch quanto ao sedã nas vendas, enquanto não chegam novos motores turbo 1.0 e 1.3 e o câmbio automático CVT, que aposentará o automatizado GSR.

Fotos: arquivo Motor1.com e Autossegredos

Veja também

'