SUV de sete lugares será revelado nos próximos meses, com desenho praticamente igual ao do conceito

O Mercedes-Benz GLB está perdendo a vergonha e está cada vez mais fácil de ser visto em testes na Europa. E também está tirando a camuflagem, como mostram as novas fotos obtidas por nossos espiões. Será o maior carro a usar a plataforma MFA, feita para os novos Classe A, CLA, GLA e Classe B. Sua apresentação está confirmada para os próximos meses, antes do 3º trimestre.

Como a apresentação está cada vez mais próxima, a Mercedes está retirando a camuflagem do GLB, cobrindo apenas a frente e a traseira, enquanto deixa os faróis e lanternas mais aparentes. Sem surpreender ninguém, o sucessor espiritual do GLK será praticamente igual ao GLB Concept mostrado há quase dois meses no Salão de Xangai (China).

O conceito (na galeria mais abaixo) foi mostrado com visual mais aventureiro, usando suspensão elevada, pneus lameiros e cobertura de plástico nas caixas de rodas. Por enquanto a versão de produção não terá estes detalhes, mas a Mercedes admite que está pensando em oferecer uma versão aventureira ou um pacote off-road para o GLB.

A ideia de criar o GLB veio após a Mercedes descartar uma versão de sete lugares do novo Classe B, que iria disputar com o BMW Série 2 Gran Tourer. Como os SUVs estão em moda, a Daimler resolveu desenvolver um modelo entre o GLA e o GLC, e que pudesse ser vendido nas configurações de cinco e sete assentos, além de oferecer tração integral. Os flagras revelam que terá até mesmo variantes "35" e "45" AMG. Basicamente, o novo GLB terá algo a oferecer para todos que procurarem por um SUV compacto premium.

A Mercedes irá apresentar o GLB em algum momento antes do 3º trimestre, com produção confirmada no México. Em 2021, ainda terá uma variante totalmente elétrica na forma do EQB.

Fotos: Automedia