Nova geração será apresentada ao público no Salão de Frankfurt em setembro

Conhecido pela excentricidade do design, o Nissan Juke promete acentuar a fórmula atual e apostar ainda mais em ousadia na próxima geração. Conforme adiantam as imagens deste flagra, a segunda linhagem do crssover segue em fase avançada de desenvolvimento e deve ser apresentada em setembro, no Salão de Frankfurt.

Pelo que já é possível perceber, a estratégia é enquadrar o Juke dentro da nova filosofia de design da marca, porém dentro de um conceito de renovação e ampliação do estilo "ame ou odeie" que fez o modelo tão conhecido.

Galeria: Flagra: Nissan Juke 2020

A dianteira será marcada principalmente pela agressividade das linhas e ousadia do conjunto de faróis. As lâmpadas principais serão redondas, como no carro de hoje, mas ficarão bem maiores e mais destacas no para-choque. Logo acima, filetes estreitos na horizontal acompanharão as linhas do capô e abrigarão as luzes diurnas em LED, dentro de um conceito que vem se tornando bastante comum em várias marcas (vide Fiat Toro, Hyundai Kona e Citroën C4 Cactus). Atrás, o caimento do teto lembrará o formato de um cupê, enquanto nas laterais as portas traseiras continuarão com as maçanetas camufladas na coluna.

Na mecânica, o destaque ficará por conta da adoção da plataforma modular CMF-B, a mesma da nova geração do Renault Clio. A gama de motores será formada por propulsores turbo 0.9 e 1.2 litro, além de um 1.5 a diesel. Tração nas quatro rodas será item opcional.

Fotos: CarPix