Rival de Toro e Tarok usa base de Focus e pode resgatar o nome Courier

A Ford segue com os testes de sua futura picape monobloco, desenvolvida a partir da plataforma C2 do novo Focus. Desta vez o time da Automedia flagrou duas unidades do modelo, sendo que uma aparenta ter cabine simples, com apenas duas portas - além da cabine dupla de quatro portas que já havia sido fotografada antes.

Visando os mercados dos EUA e sul-americano, a picape sub-Ranger pode resgatar o nome Courier (antiga picape do Fiesta) ou Ranchero (de uma clássica picape americana). A produção é cotada para o México, o que é uma boa notícia para o mercado brasileiro, pois poderia receber o modelo livre do Imposto de Importação. O lançamento está previsto para 2021, um pouco depois da estreia da VW Tarok, derivada da plataforma MQB. Até lá, a pioneira do segmento Fiat Toro já terá trocado o atual motor 1.8 aspirado pelo 1.3 turbo

A mecânica da nova Courier/Ranchero ainda é mantida em segredo, mas todas as evidências apontam para a linha EcoBoost, com versões 1.5 e 2.0. Tração será dianteira como no Focus, mas não está descartada uma versão 4x4. 

Vale lembrar que o desenvolvimento desta nova picape começou antes de ser assinada a parceria entre Ford e VW para utilitários, ou seja, não se trata de um projeto conjunto das duas marcas - não será, portanto, uma versão Ford da Tarok. O primeiro fruto desta parceria será a próxima geração das Ranger e Amarok, que manterão a construção de chassi sobre carroceria.  

Fotos: Automedia