A versão mais potente do Megane RS utiliza motor 1.8 turbo com tecnologias da F1

Como prometido no ano passado pela Renault, quando revelaram o Megane RS normal, a versão Trophy foi apresentada com ainda mais melhorias. Para começar, o motor 1.8 turbo de quatro cilindros recebeu nova calibração, agora gerando 300 cv e um torque máximo de 40,7 kgfm, quando acoplado a um câmbio manual - se o cliente escolher pela transmissão DCT de dupla embreagem, o torque pula para 42,8 kgfm.

O Renault Megane RS Trophy tem muito mais do que um motor melhorado. A fabricante francesa equipou o hot hatch com uma suspensão mais firme e diferencial blocante. O esportivo terá rodas 19" de liga leve com design exclusivo, calçando pneus Bridgestone Potenza S001 e, no ano que vem, ainda terá como opcional novas rodas que são 2 kg mais leves e que utilizam os pneus Bridgestone Potenza S007.

Veja como é o Megane RS normal:

Já que estamos falando das rodas, atrás delas estarão os novos discos de freios dianteiros com dois materiais (que não foram divulgados pela empresa), reduzindo seu peso em 1,8 kg por roda, cada um com pinças vermelhas da Brembo. Como ele usa o chassi Cup da Renault, recebe os amortecedores que são 25% mais firmes e molas 30% mais rígidas ao comparar com o Megane RS com o chassi Sport. Para fechar, as barras anti-rolamento são 10% mais firmes.

 

Assim como o Megane RS, a versão Trophy tem esterçamento das quatro rodas, com as rodas traseiras girando na direção oposta das dianteiras em baixa velocidade, e na mesma direção em alta velocidade. Pagando um pouco mais, os clientes podem adicionar bancos Recardo com design atualizado, com acabamento em Alcantara. Estes assentos reduzem a posição de dirigir em 20 milímetros, para deixar a condução mais intensa, e o ajuste de altura é mais amplo do que os assentos do Megane III RS.

Em termos de desempenho, a Renault divulga os dados somente da versão com câmbio manual de 6 marchas. Precisa de 5,7 segundos (0,1 s menos do que o Megane RS normal) para chegar aos 100 km/h e tem velocidade máxima de 260 km/h, pouco mais do que os 255 km/h da versão RS. Na terceira marcha, o hot hatch de 1.419 kg vai de 80 a 120 km/h em 3,1 segundos. Com mais potência e uma transmissão mais rápida, o RS Trophy com câmbio DCT deve ser ainda mais veloz.

Desenvolvido pela Renault Sport com a ajuda de Nico Hülkenberg, o novo Megane RS Trophy será lançado na Europa nos próximos meses. Já ouvimos rumores sobre uma versão mais hardcore chamada Trophy-R, com apenas dois assentos e que quer superar o Honda Civic Type R, marcando o recorde de carro mais rápido com tração dianteira de Nürburgring. O Civic é o detentor do recorde, após fazer uma volta em 7 minutos e 43,8 segundos.

Fonte: Renault

 

Galeria: Renault Megane RS Trophy 2018