Material tem resistência à tração de 980 megapascals e pode ser prensado a frio

Usado pela primeira vez na nova geração do SUV de luxo Infiniti QX50, o novo aço ultrarresistente desenvolvido pela Nissan será adotado em uma série de outros modelos em breve. Criado a partir de uma parceria firmada com a metalúrgica Nippon Steel & Sumitomo Metal Corp, o material reúne características como alta formabilidade, resistência à tração de 980 megapascals e a possibilidade de ser prensado a frio, com ampla aplicabilidade na produção em escala industrial.

Novidades Nissan:

Segundo a marca, a combinação de estampagem e força de estampagem possibilita a formação de peças com formas complexas que são mais finas e leves que as feitas de aço convencional de alta resistência à tração, com a manutenção da capacidade de absorver energia em uma colisão. Na prática, as vantagens são verificadas exatamente na redução de peso do veículo (com consequente redução dos índices de emissões) e no nível extra de proteção oferecido aos ocupantes. 

O QX50, que começou a ser vendido nos Estados Unidos em março, é o primeiro veículo do mundo com partes da dianteira e traseira feitas com este tipo de aço - num total de 27% do modelo. Nos próximos anos, a Nissan espera que o material passe a compor pelo menos 25% das peças dos novos veículos da empresa.

Fotos: Divulgação

Galeria: Infiniti QX50 2019