Com melhor ritmo, britânico passeia em Montmeló. Vettel tem dia difícil após ser derrubado pela estratégia da Ferrari

Lewis Hamilton viveu um domingo de sonho na Espanha. Mais veloz ontem no treino classificatório, ele passeou na corrida. O atual tetracampeão do mundo garantiu sua segunda vitória seguida em 2018 e seu 64º triunfo na carreira.

O britânico não teve concorrência. Ele largou na frente e não foi ameaçado em nenhum momento por ninguém, faturando uma corrida bem tranquila.

Sebastian Vettel, que ganhou a segunda posição de Valtteri Bottas logo na largada, deve seu dia muito atrapalhado pela estratégia da Ferrari.

Ele acabou indo para os boxes após um Safety Car Virtual ocasionado pela parada de Esteban Ocon na pista. Foi sua segunda parada, e ele perdeu as posições para Bottas e Max Verstappen, que completou o pódio - mesmo após tocar em uma Williams e perder um pedaço de sua asa dianteira.

Para se ter uma ideia, apenas Vettel entre os oito primeiros colocados fez duas paradas na corrida.

Daniel Ricciardo ficou com o quinto lugar. Kevin Magnussen foi o melhor do resto, em sexto lugar. Piloto da casa, Carlos Sainz foi o sétimo, logo à frente do compatriota Fernando Alonso, que superou o monegasco Charles Leclerc na saída do Safety Car Virtual. O piloto da Sauber também foi ultrapassado por Sergio Perez no fim, e ficou em décimo.

Apesar de uma ameaça de chuva, a corrida foi disputada inteiramente com tempo seco.

A prova ficou marcada por um acidente logo na primeira volta. Romain Grosjean acabou se assustando com um erro de Kevin Magnussen na curva 3 após a largada e perdeu o controle de seu carro. Ele voltou à pista tentando se salvar de uma rodada, mas acabou virando à frente do grid e foi acertado por Nico Hulkenberg e Pierre Gasly. Os três abandonaram.

A corrida

Na largada, Vettel superou Bottas pelo segundo lugar e Hamilton se manteve na ponta. Na curva 3, Grosjean perdeu o controle de seu carro tentando evitar o parceiro Magnussen. Ele continuou acelerando e acabou voltando à pista. Ele foi acertado por Nico Hulkenberg e Pierre Gasly. Os três abandonaram.

O acidente trouxe a neutralização da corrida com o Safety Car.

A corrida reiniciou com Hamilton, Vettel, Bottas, Raikkonen, Verstappen, Ricciardo, Magnussen, Sainz, Leclerc e Ocon.

Na volta 17, Vettel foi o primeiro a parar e trocou os pneus macios pelos médios. Enquanto isso, Hamilton continuava fazendo voltas rápida com o pneu macio, assim como Bottas. O finlandês foi para os pits, mas um erro no trabalho da Mercedes fez Vettel retornar logo à frente de Valtteri.

Na volta 25, Kimi Raikkonen sofreu com problemas mecânicos e ficou lento na pista. Ele ainda conseguiu ir aos boxes para abandonar. Logo em seguida, Hamilton parou e retornou em segundo, atrás de Verstappen.

O piloto holandês liderou por pouco menos de dez voltas. Ele foi aos pits e cedeu a liderança de volta a Lewis.

O top-10 após os pit stops ficou com Hamilton, Vettel, Bottas, Verstappen, Ricciardo, Magnussen, Sainz, Leclerc, Alonso e Perez.

Com um problema no carro, Esteban Ocon acabou parando na pista e trouxe o Safety Car Virtual. Vettel aproveitou a neutralização e foi para os pits, trocando de pneus médios. Ele retornou em quarto atrás de Verstappen.

No fim do Safety Car Virtual, Verstappen se tocou com uma Williams e perdeu uma parte da asa dianteira. No entanto, ele continuou na pista.

Hamilton venceu pela segunda vez seguida.

A sexta etapa da Fórmula 1 acontece em Mônaco, em duas semanas.

Resultado GP da Espanha de Fórmula 1

Pos. Piloto Chassis Motor Tempo
1 united_kingdom Lewis Hamilton Mercedes Mercedes -
2 finland Valtteri Bottas Mercedes Mercedes 20.593
3 netherlands Max Verstappen Red Bull TAG 26.873
4 germany Sebastian Vettel Ferrari Ferrari 27.584
5 australia Daniel Ricciardo Red Bull TAG 50.058
6 denmark Kevin Magnussen Haas Ferrari 1 lap
7 spain Carlos Sainz Renault Renault 1 lap
8 spain Fernando Alonso McLaren Renault 1 lap
9 mexico Sergio Perez Force India Mercedes 2 laps
10 monaco Charles Leclerc Sauber Ferrari 2 laps
11 canada Lance Stroll Williams Mercedes 2 laps
12 new_zealand Brendon Hartley Toro Rosso Honda 2 laps
13 sweden Marcus Ericsson Sauber Ferrari 2 laps
14 russia Sergey Sirotkin Williams Mercedes 3 laps
  belgium Stoffel Vandoorne McLaren Renault  
  france Esteban Ocon Force India Mercedes  
  finland Kimi Raikkonen Ferrari Ferrari  
  germany Nico Hulkenberg Renault Renault  
  france Pierre Gasly Toro Rosso Honda  
  france Romain Grosjean Haas Ferrari  

Galeria: GP de Fórmula 1 da Espanha 2018