Lançamento em países da América do Sul está sendo facilitado pela produção no México

Anunciada na Argentina desde o início do ano, a nova geração do compacto Rio começa a chegar nesta semana às concessionárias da Kia. Pela primeira vez importado do México (e não mais da Coreia do Sul, como até então), o modelo estreia localmente em três versões de acabamento com preços que variam de US$ 19.900 (R$ 65.800 numa versão direta) a US$ 23.900 (R$ 78.700), dependendo do pacote. Sob o capô, o motor 1.6 16V movido apenas a gasolina rende 123 cv e pode vir ligado a um câmbio manual ou automático, sempre com 6 marchas.

Leia também:

De série, a versão de entrada EX (disponível com transmissão manual ou AT) oferece rodas de liga-leve de 15 polegadas, airbags dianteiros, freios ABS com EBD, Isofix para fixação de cadeirinhas infantis e sistema de entretenimento com tela de 7" compatível com Apple CarPlay e Android Auto. O modelo topo de linha SX, sempre automático, acrescenta rodas aro 17", airbags laterais e de cortina, controles eletrônicos de tração e estabilidade, assistente de arranque, ar-condicionado de duas zonas, bancos revestidos em couro e teto solar.

Kia Rio 2017

Kia Rio no Brasil

Por aqui, o lançamento do novo Rio é aguardado para o segundo semestre, antes mesmo do Salão do Automóvel. Assim como na Argentina, o modelo será importado do México, mas o motor 1.6 16V será flex (tornado-se, na prática, o mesmo propulsor do Hyundai HB20). O câmbio também será automático de 6 marchas. Alguns protótipos, inclusive, já rodam em testes pelo país, conforme anteciparam fontes ouvidas por Motor1.com.

Fotos: Divulgação e Arquivo

Galeria: Kia Rio 2018