Primeiras impressões Honda Accord - Deixe o SUV de lado

– Bretton Woods, New Hampshire

A ideia de que os norte-americanos não estão comprando mais os sedãs é, francamente, falsa. Enquanto uma leitura rápida das tendências te diria que os SUVs e crossovers ainda estão ficando mais populares, é um erro entender isso como o fim dos sedãs médios e grandes. A Honda vendeu 345,225 unidades do Accord nos EUA ao longo de 2016 - pouco menos do que os 388,618 Toyota Camry comercializados no mesmo período - o que é uma quantidade enorme.

E dizer que é de extrema importância para a Honda acertar na nova geração do Accord é um enorme eufemismo.

Nada disto estava na minha mente enquanto eu reduzia da quarta para a terceira marcha, abrindo um pouco mais a curva com Accord Sport 2.0 turbo para poder acertar o apex da brilhante e pequena estrada em New Hampshire. Viro um pouco o volante e estou olhando o limite da curva; Flexiono o pé direito e sinto o torque aumentar, enquanto a floresta em volta da estrada passa um pouco mais rápido, e eu mentalmente cruzo os dedos, torcendo que ainda esteja o suficiente no sul da região para ter que me preocupar com algum alce no meio da via. Tudo limpo.

2018 Honda Accord: First Drive
2018 Honda Accord: First Drive
2018 Honda Accord: First Drive
2018 Honda Accord: First Drive

Do humilde 1.5 combinado ao câmbio CVT até o topo de linha Touring com transmissão automática de 10 marchas e motor 2.0 turbo, o Accord agrada todo mundo.

Poucos das centenas de clientes do novo Accord em todo o mundo irão comprar essa versão com o motor 2.0 turbo combinado ao esperto câmbio manual de 6 marchas - e ninguém no Brasil, já que deve vir a...