Utilitário mal chegou aos EUA e já tem um protótipo com suspensão elevada, para-lamas mais largos e pneus todo-terreno

Enquanto não chega nas concessionárias do Estados Unidos (e do Brasil, onde será lançado no próximo dia 27), o Volkswagen Taos ganhou um conceito com pegada aventureira e pensado para quem gosta de acampar. Batizado de Taos Basecamp Concept, o modelo se inspira no grande SUV Atlas Basecamp vendido no mercado americano, que na verdade conta com um pacote de acessórios instalado em concessionária – não se tratando de fato uma versão aventureira.

Voltando ao Taos Basecamp Concept, como dito ele bebe na mesma fonte do Atlas, cuja primeira versão um dia também foi conceito e apresentada durante o Salão de Nova Iorque, em 2019. O Taos para os amantes de acampamento foi desenvolvido pelo time de design da Volkswagen em Oxnard, na Califórnia. Com isso, podemos dizer que o visual aventureiro caiu bem no SUV, classificado como compacto nos EUA – e médio aqui no Brasil, onde vai enfrentar Jeep Compass, Toyota Corolla Cross e companhia.

Galeria: Volkswagen Taos Basecamp Concept

Vamos as mudanças: o Taos Basecamp se difere pela suspensão elevada H&R Special Springs LP, rodas de 17 polegadas calçadas com pneus todo-terreno Falken Wildpeak A/T Trail nas medidas 225/65 e um bagageiro de teto personalizado e equipado com luzes auxiliares de LED de longo alcance – bastante úteis para usar ao anoitecer em trilhas off-road. O SUV ainda agrega molduras plásticas nos para-lamas, apliques plásticos laterais e protetor frontal e traseiro pintados de prata. Todas essas alterações deixam o SUV com visual bem mais parrudo que o Taos padrão, que originalmente tem uma proposta mais urbana. 

O estilo é arrematado pela pintura azul combinada com capô e teto em preto fosco, enquanto que detalhes de acabamento aparecem em preto brilhante. Há ainda o logotipo Basecamp na grade frontal, para-lamas e na base das portas dianteiras, enquanto uma linha laranja surge na grade, faróis e na capa dos espelhos retrovisores. No interior a única novidade é a divisória no porta-malas, que permite pendurar itens como cordas, lanternas, capacetes, entre outros equipamentos de escalada ou camping.

external_image

Embora ainda se trate de um conceito, o Taos Basecamp nada mais é que uma versão para divulgar o mais recente SUV da Volkswagen nos EUA, servindo ainda como laboratório para testar a aceitação do público. Caso ele tenha uma boa repercussão, o Taos pode ter o pacote Basecamp disponível em sua linha acessórios quando chegar nas concessionárias, igual ao que ocorreu com o Atlas.

Vale lembrar que na terra do Tio Sam o Taos se difere do nosso na motorização. Por lá ele fará a estreia do 1.5 TSI de 160 cv e 25,4 kgfm, que além de ser 10 cv mais potente do que o 1.4 TSI traz um moderno sistema de desativação de cilindros. Esse conjunto trabalhará junto do câmbio automático de 8 marchas nas versões de tração dianteira, enquanto que os modelos com tração integral 4Motion terão a caixa automatizada de dupla embreagem DSG de 7 velocidades.

Enquanto as vendas do Taos não começam nos Estados Unidos, a marca já anunciou os preços oficiais de todas as versões que serão comercializadas por lá: S (R$ 22.995), S 4Motion (R$ 25.040), SE (US$ 27.245), SE 4Motion (28.695), SEL (US$ 31.490) e SEL 4motion (US$ 33.045). Em conversão direta, os preços ficam entre R$ 122.250 e R$ 175.680.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com