Jeep Compass segue na liderança com mais de 5 mil unidades emplacadas. Toyota SW4 domina a categoria acima

Crescendo acima da média do mercado brasileiro (+35,1%), o segmento de SUVs médios e grandes fechou o mês de março com 9.336 emplacamentos registrados. E nem mesmo a proximidade do lançamento da versão reestilizada, previsto para maio, diminuiu a força do Compass.

Com 5.211 emplacamentos, o Jeep Compass cresceu mais de 70% na comparação com o mesmo período de 2020 e respondeu por quase 2/3 dos registros de sua categoria e por praticamente 56% do segmento como um todo. Com 623 unidades, o Caoa Chery Tiggo 8 assumiu a 2ª posição, seguido por um Volkswagen Tiguan (462) que recuou quase 40%.

Galeria: Caoa Chery Tiggo 8 2021 (Brasil)

Vice-líder nos 2 meses anteriores, o Hyundai ix35 (271) caiu 2 posições e ficou sob ameaça do irmão mais novo Tucson (258) e do Caoa Chery Tiggo 7 (255), ambos com resultados positivos. Coube ao Mitsubishi Outlander (204) – cujos números incluem a versão Sport (ASX reestilizado) – a maior evolução em relação a 2020 (+209%).

Hyundai ix35
Ford Territory x Jeep Compass x Chevrolet Equinox

Agora como o 2º modelo mais barato da Ford em nosso mercado, o Territory (90) teve seu desempenho mais fraco desde agosto, quando oficialmente começou a ser disponibilizado. Em seu 1º mês, o Toyota Corolla Cross, maior aposta da marca nos últimos anos, emplacou 37 unidades – será interessante acompanhar o resultado do modelo ao longo de abril, seu 1º mês completo.

SUVs / Crossovers II

POS.

MODELO

MAR/21

FEV/21

MAR/20

% MAR 21

% FEV 21

VARIAÇÃO MAR/FEV

VARIAÇÃO 2021/2020

JEEP COMPASS

5211

4634

3058

66,28%

70,44%

12,45%

70,41%

CAOA CHERY TIGGO 8

623

300

0

7,92%

4,56%

107,67%

-

VW TIGUAN

462

182

769

5,88%

2,77%

153,85%

-39,92%

HYUNDAI IX35

271

308

324

3,45%

4,68%

-12,01%

-16,36%

HYUNDAI TUCSON

258

260

163

3,28%

3,95%

-0,77%

58,28%

CAOA CHERY TIGGO 7

255

74

245

3,24%

1,12%

244,59%

4,08%

MITSUBISHI OUTLANDER / SPORT

204

245

66

2,59%

3,72%

-16,73%

209,09%

MITSUBISHI ECLIPSE CROSS

157

160

219

2,00%

2,43%

-1,88%

-28,31%

KIA SPORTAGE

112

96

159

1,42%

1,46%

16,67%

-29,56%

10º

FORD TERRITORY

90

105

0

1,14%

1,60%

-14,29%

-

11º

PEUGEOT 3008

79

46

122

1,00%

0,70%

71,74%

-35,25%

12º

TOYOTA RAV4

51

65

280

0,65%

0,99%

-21,54%

-81,79%

13º

TOYOTA COROLLA CROSS

37

0

0

0,47%

0,00%

-

-

14º

MITSUBISHI ASX

23

17

157

0,29%

0,26%

35,29%

-85,35%

15º

JAC T60

15

9

16

0,19%

0,14%

66,67%

-6,25%

16º

CHEVROLET EQUINOX

8

15

217

0,10%

0,23%

-46,67%

-96,31%

17º

HONDA CR-V

3

0

62

0,04%

0,00%

-

-95,16%

18º

PEUGEOT 5008

1

0

14

0,01%

0,00%

-

-92,86%

19º

SSANGYONG KORANDO

1

0

0

0,01%

0,00%

-

-

20º

SUBARU FORESTER

1

63

16

0,01%

0,96%

-98,41%

-93,75%

 

 

7862

6579

5887

100,00%

100,00%

19,50%

33,55%

Toyota SW4 2021 (Brasil)
Mitsubishi Pajero Sport 2020

Na faixa de cima, o Toyota SW4 segue sem concorrência: foram 1.057 unidades, 4 vezes mais do que um Mitsubishi Pajero (254) que praticamente dobrou o resultado de um ano atrás. O Chevrolet Trailblazer (139) completou o pódio também em alta (+39%). Sem importação oficial, o gigantesco Chevrolet Suburban teve 2 emplacamentos registrados.

SUVs / Crossovers III

POS.

MODELO

MAR/21

FEV/21

MAR/20

% MAR 21

% FEV 21

VARIAÇÃO MAR/FEV

VARIAÇÃO 2021/2020

TOYOTA SW4

1057

846

736

71,71%

71,09%

24,94%

43,61%

MITSUBISHI PAJERO

254

204

130

17,23%

17,14%

24,51%

95,38%

CHEVROLET TRAILBLAZER

139

121

100

9,43%

10,17%

14,88%

39,00%

KIA SORENTO

9

9

17

0,61%

0,76%

0,00%

-47,06%

JAC T80

5

3

3

0,34%

0,25%

66,67%

66,67%

JEEP WRANGLER

4

2

16

0,27%

0,17%

100,00%

-75,00%

FORD EDGE

3

5

6

0,20%

0,42%

-40,00%

-50,00%

CHEVROLET SUBURBAN

2

0

0

0,14%

0,00%

-

-

HYUNDAI SANTA FE

1

0

12

0,07%

0,00%

-

-91,67%

 

 

1474

1190

1020

100,00%

100,00%

23,87%

44,51%

Observação:

- O Caoa Chery Tiggo 8, anteriormente classificado na categoria III, foi reclassificado para a categoria II em função de porte, preço e posicionamento de mercado.

Fonte: Fenabrave

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com