Conhecido como C3 Sporty, modelo será produzido em Porto Real (RJ) e já roda em testes no Brasil

A linha da Citroën no Brasil está bem diminuta, mas isso começará a mudar neste ano, com a chegada de uma nova família de veículos. O primeiro deles será um SUV compacto, posicionado abaixo do C4 Cactus e que está sendo desenvolvido na Índia. De acordo com o site India Autos Blog, a apresentação está prevista para o início de novembro, durante o Diwali, período festivo do país – e o carro é aguardado para este ano no Brasil, feito em Porto Real (RJ).

Conhecido até o momento como “C3 Sporty”, o SUV compacto da Citroën será o segundo carro da marca francesa na Índia, que iniciará sua operação local com o lançamento do C5 Aircross em fevereiro. O crossover faz parte de um programa chamado “C-Cubed” e será um carro com menos de 4 metros de comprimento, entrando no mesmo segmento que Hyundai Venue, Kia Sonet, Nissan Magnite e Renault Kiger.

Galeria: Flagra: Novo Citroën C3 Sporty 2022 no Brasil

No Brasil, este projeto é conhecido como “Smart Car” e prevê três modelos: um crossover, um hatch e um sedã, todos com a plataforma modular CMP. O SUV será o primeiro a estrear por motivos óbvios, aproveitando o apreço dos brasileiros pelo segmento. Trará uma nova identidade visual para a marca, mais alinhada com a nova geração do C4 para o mercado europeu (que matou o C4 Cactus por lá). E já roda em testes no Brasil.

Um dos pontos cheio de mistério é qual será a motorização do carro. Na Índia, fala-se de um 1.0 turbo ou 1.2 turbo, que será produzido localmente. A única coisa confirmada pela Citroën é que a variante indiana não terá uma opção a diesel. Para o Brasil, a aposta mais segura é o 1.6 aspirado de 118 cv e 15,5 kgfm que também equipa o novo 208 – afinal, o hatch também ficou sem um motor mais moderno por questões de custo. Existe a chance de que o carro já esteja sendo desenvolvido pensando em usar os motores Firefly da Fiat, inclusive na versão turbo.

Com a apresentação do novo SUV compacto da Citroën prevista para novembro na Índia, sua estreia no Brasil deve acontecer logo em seguida ou, na melhor das hipóteses, simultaneamente. A fábrica em Porto Real passou por uma atualização recentemente e começou a montar a plataforma CMP de forma experimental, preparando a linha de montagem para o novo carro.