Apenas 15 unidades serão produzidas, todas destinadas ao mercado norte-americano

Apesar de a divulgação de imagens vazadas e flagras já prenunciar o lançamento para breve, o especulado superesportivo McLaren Sabre acabou surpreendendo e sendo apresentado antes da hora. Uma concessionária da marca sediada em Beverly Hills, na Califórnia, foi a grande responsável por adiantar os primeiros detalhes e matar a curiosidade dos fãs mais apressados.

Detalhes específicos ainda são desconhecidos, mas desde já as primeiras fotos adiantam a pegada do design e a proposta exclusiva do carro. Exclusividade, aliás, é o que não falta. Segundo a McLaren, apenas 15 exemplares serão produzidos e todos terão como destino o mercado norte-americano. A descrição que a marca faz é de "uma máquina encomendada pelo cliente".

Galeria: McLaren Sabre 2021

Mecanicamente, os puristas certamente devem ter gostado da escolha feita pelos engenheiros: motor tradicional a combustão com potência de 835 cv e torque na casa dos 81,5 kgfm. Ou seja, nada do conjunto híbrido (embora de 1.000 cv) que estava sendo especulado. A identidade do propulsor é que não foi revelada, mas todas as apostas se concentram no tradicional 4.0 V8 biturbo.

Na prática, trata-se do V8 não híbrido mais potente já criado pela McLaren, sendo capaz de fazer o Sabre alcançar velocidade máxima de 350 km/h. A propósito, isso faz do modelo o McLaren de dois lugares mais rápido já fabricado - o Speedtail e o F1, vale lembrar, oferecem até três lugares. Sim, é um detalhe técnico, mas o Sabre ainda é muito rápido.

McLaren Sabre 2021

A empresa destaca ainda que o projeto foi tocado pela McLaren Special Operations, tendo como foco o mercado estadunidense. Todos os 15 exemplares serão vendido unicamente por lá e a primeiro unidade, inclusive, já foi entregue. "O primeiro McLaren Sabre by MSO está agora nas mãos de seu proprietário nos Estados Unidos e as entregas restantes ocorrerão nos próximos meses", diz o comunicado. Preços, no entanto, ainda não foram divulgados.

Fotos: Divulgação