Crossover do Golf tem porte entre o T-Cross e o Tiguan

É tanto SUV que a Volkswagen está preparando para o mercado brasileiro que chega a confundir os menos atentos. Anote aí: além dos já lançados Tiguan e T-Cross, a marca alemã vai lançar o T-Sport (crossover do Polo), Tarek (rival do Jeep Compass) e ainda um compacto (nos moldes do conceito Taigun). Então, o que faz um T-Roc em testes na Argentina? 

VW T-Cross

Não, o T-Roc não está na lista de lançamentos para a região. Crossover do Golf, ele faz o papel de opção mais descolada em relação ao Tiguan, com dimensões menores e desenho mais esportivo (tem até uma curiosa versão conversível, como mostra a galeria abaixo). Foi pensado para o mercado europeu, e só está na Argentina para testes de componentes - no caso, o câmbio manual MQ281, que será feito na fábrica de Córdoba para as plantas da VW na Europa, conforme explica o site Argentina Autoblog.    

Galeria: Volkswagen T-Roc Cabriolet

Trata-se de uma caixa de 6 marchas que será usada pelo próprio T-Roc, além de outros modelos do Grupo VW como Polo, Golf e Caddy; Audi A1 e Q2; Seat Ibiza, Ateca e León; e Skoda Octavia. Além de fazer transmissões, as fábricas da América do Sul (especialmente Brasil) deverão se encarregar da produção de motores a combustão para o mercado europeu, tendo em vista que a Europa tem uma demanda cada vez maior pela propulsão elétrica e deve se especializar na produção de motores do tipo. 

Lançado no Velho Continente no ano passado, o VW T-Roc acabaria atuando, por aqui, na faixa pretendida pelo futuro Tarek (entre o T-Cross e o Tiguan), que terá uma proposta mais familiar e mais de acordo com o gosto do público brasileiro - vide o sucesso do Compass em nosso mercado. 

Fotos: Argentina Autoblog

Galeria: VW T-Roc na Argentina