Chamado convocado originalmente em maio agora afeta novas unidades

Anunciado originalmente em maio, o recall convocado para reparar falhar mecânicas identificadas na suspensão do Chevrolet Tracker passa a afetar novas unidades no Brasil. Inicialmente, a chamado envolvida unidades fabricadas entre 2017 e 2019, mas agora foi estendido também para exemplares a partir de junho de 2013 até julho de 2015. Dependendo do caso, o braço de controle dianteiro (bandeja de suspensão) pode se quebrar devido a um cordão de solda fora da especificação e afetar diretamente a posição original da roda dianteira. Dessa forma, há comprometimento da dirigibilidade do veículo e risco de colisão.

Galeria: Chevrolet Tracker Premier

O reparo consiste na verificação e eventual substituição do braço de controle dianteiro - serviço que pode ser agendado desde já e leva em média 2 horas para ser concluído.

Unidades envolvidas:

Modelo Fabricação Chassis
2014 a 2015 19/06/2013 a 07/01/2015 EL107306 e FL177282
2015 a 2018 01/07/2015 a 30/06/17 FL242228 e JL120620