Segunda geração do SUV compacto deve ganhar versão de 7 lugares

A Hyundai já começou a trabalhar na segunda geração do Creta. Segundo o site Autocar India, a fabricante iniciou os testes do modelo e deve apresentá-lo no final de 2020. Além de ficar maior e mais equipado, uma de suas novidades será uma inédita variante de 7 lugares, esta prevista para 2021 - uma medida para permitir que o novo Tucson, maior que o atual, seja lançado anteriormente.

Ao contrário do que acontecerá com o novo HB20, a nova geração do Hyundai Creta adotará a identidade de design iniciada pelo Kona, como as luzes diurnas finas e os faróis ao lado da grade “cascata”. Isso porque a marca coreana terá dois estilos, um para seus SUVs e outro para os demais modelos, como o HB20, que buscará sua inspiração no novo Elantra.

Ainda de acordo com o Autocar India, o novo Creta irá trocar o motor 1.6 por um novo 1.5, feito para atender às novas regras de emissões na Índia. Este motor seria o mesmo do sedã Verna reestilizado, ainda sem dados divulgados, e que pode vir preparado para usar sistema híbrido-leve de 48V. No Brasil, o Creta pode continuar com o 1.6 Gamma usando também pelo HB20, mas com melhorias para se adequar às demandas de eficiência energética do novo regime automotivo Rota 2030.

Uma das grandes mudanças do novo Hyundai Creta será a adição de uma versão com 7 assentos. É um rumor que circula há um tempo na Ásia, assim como o do Tucson com capacidade para 7 pessoas. Esta versão será lançada somente em 2021 e foi criada para competir com modelos como o Tata Harrier na Ásia, com preços próximos aos praticados atualmente pelo Tucson.

Fonte: Autocar India

Galeria: Hyundai Creta 2019