Big trail da marca alemã é atualizada em mecânica e técnica

A BMW Motorrad apresenta nesta terça-feira (18) a R 1250 GS, substituta da R 1200 GS. Apesar de visualmente não haver nada além de novos grafismos, a alma é nova. Sai o motor biciclíndrico boxer de 1.170 cc, entra um novo de 1.254 cc, que além da maior cilindrada, tem novas tecnologias principalmente na parte de válvulas. 

Leia também

A R 1250 GS adota o BMW ShiftCam Technology, sistema com variador de abertura e fase dos comandos de admissão (são dois cabeçotes separados), que, segundo a marca, dá mais suavidade, respostas em baixas rotações e melhores níveis de consumo  emissões. A potência vai de 125 cv para 136 cv, com torque 14,5 kgfm a 6.250 rpm (antes 12,8 kgfm a 6.500 rpm). A lubrificação também foi melhorada, com injetores para os pistões. Na parte de injeção, um novo sensor de ignição melhora o mapeamento para aproveitamento de combustível e suavidade do motor. 

BMW R 1250 GS
BMW R 1250 GS
BMW R 1250 GS
BMW R 1250 GS
BMW R 1250 GS

Entre os assistentes eletrônicos, controles de tração e assistente de partida em rampas são itens básicos. Há seletor de modos de condução e controle dinâmico de tração como opcional, além do ABS Pro. O painel de instrumentos agora está em uma tela de TFT de 6,5" configurável, novidade que já equipa a 1200 em nosso mercado. Falando em Brasil, a BMW ainda não confirma a data de chegada da nova GS ao país. 

Fotos: divulgação

Galeria: BMW R 1250 GS e RT