Versão familiar promete maior espaço interno da categoria e porta-malas de 598 litros

A Toyota se despede da antiga Auris Touring Sport e abre espaço para a estreia da nova geração da perua, agora com o nome Corolla Touring Sport. A marca japonesa diz que desta vez o modelo não é simplesmente uma versão esticada do hatchback, mas sim uma variação pensada desde o início da plataforma TNGA como uma verdadeira station wagon. 

2019 Toyota Corolla Touring Sports

O fato de ter sido projetada desde o começo como uma perua se reflete perfeitamente na capacidade do porta-malas: generosos 598 litros - ainda assim menor que os 605 litros oferecidos pela rival VW Golf Variant. A nova station também se gaba de oferecer o maior espaço do segmento para as pernas no banco traseiro, graças ao entre-eixos de 2,70 metros.

Equipada com suspensões McPherson na dianteira e multilink na traseira, tendo amortecedores adaptativos como opcional, a nova perua pode vir equipada com motor 1.2 turbo a gasolina de 114 cv ou duas opções híbridas: 1.8 de 120 cv e 2.0 de 178 cv. Não haverá variante a diesel nem mesmo na Europa. 

Leia também

Entre os equipamentos, a nova Corolla Touring Sports oferece head-up display, recarregador de celular wireless e um sistema de som da JBL, entre outros itens. Por fora, a pintura pode ser em dois tons, para reforçar o aspecto esportivo do design. A primeira exibição oficial pública será no Salão de Paris, em outubro. 

2019 Toyota Corolla Touring Sports
2019 Toyota Corolla Touring Sports

 

Já vendida no Brasil há duas gerações, quando se chamava Fielder, a perua Corolla não está nos planos da filial brasileira. Apesar de o novo hatch ter sido visto em testes por aqui, a marca declara que manterá apenas o sedã no mercado nacional. 

Fotos: divulgação

Galeria: Toyota Corolla Touring Sports