Novas imagens mostram sedã com pouca camuflagem

Em passos finais de testes, os protótipos do BMW Série 3 circulam pela Europa já com uma leve camuflagem. É possível perceber linhas que lembram os novos Série 5 e Série 7, principalmente na dianteira. Além de novos faróis, a grade dianteira característica da BMW ficou maior, ocupando uma área consideravelmente mais ampla. 

Flagra - BMW Série 3

Na traseira, o Série 3 continua seguindo o Série 5, com as lanternas mais afiladas e a tampa traseira com uma leve curvatura, simulando um aerofólio integrado, provavelmente com importante função aerodinâmica. Para as lanternas, podemos esperar iluminação completa em LEDs. Em resumo, o estilo não mudará tanto em comparação com a atual geração, ao menos visualmente. 

Flagra - BMW Série 3

Porém, o Série 3 ficará maior. Usando a plataforma CLAR, ganhará principalmente mais espaço interno, além de perde uma massa considerável de peso, com o uso de alumínio e metais nobres na sua construção. Falam em cerca de 40 kg a menos nesta dieta moderna. Com estas mudanças, o Série 3 se posiciona em melhor estratégia contra o Audi A4 e Mercedes-Benz Classe C, seus rivais vizinhos, além de concorrentes do segmento de outros continentes. 

No interior, flagras anteriores mostraram um novo painel de instrumentos totalmente em TFT e a central multimídia iDrive com tela maior, além de console central redesenhado. 

O novo BMW Série 3 deve ser mostrado em outubro, durante o Salão de Paris, com chegada ao Brasil em 2019, se considerar o espaço de tempo que a filial brasileira leva para lançar uma nova geração por aqui após a apresentação mundial. 

Fotos: Automedia

Galeria: Flagra - BMW Série 3