Sueco disputava o troféu com outros dois SUVs, o Range Rover Velar e o Mazda CX-5

Iniciada no Salão de Frankfurt em setembro do ano passado, a trajetória para escolha do vencedor do prêmio World Car Of The Year acaba de chegar ao fim o Salão de Nova York. Travada, nesta fase final, entre os modelos Volvo XC60, Range Rover Velar e Mazda CX-5, a disputa teve como grande campeão o modelo sueco. Foi a primeira vez que a montadora escandinava recebeu o troféu e, no fim das contas, a comemoração acabou sendo dupla, já que o estreante XC40 também faturou outro prêmio recentemente: o European Car of the Year, durante o Salão de Genebra.

Leia também:

"Estou satisfeito em ver os investimentos em produtos da nossa empresa dando resultado", disse Håkan Samuelsson, presidente e CEO da Volvo Cars. "Estamos diante de uma dura concorrência, mas este prêmio para o XC60 mostra que a Volvo tem a combinação certa de design, conectividade e segurança que atrai clientes em todo o mundo", completou. 

Audi Q5 x Volvo XC60

O julgamento foi feito por 82 jornalistas de 24 países diferentes, que elogiaram o XC60 quanto ao nível de design líder no setor, uso materiais de alta qualidade, excelente dirigibilidade e presença recursos de segurança premiados. A entrega do troféu aconteceu em cerimônia realizada em Manhattan, onde o vice-presidente da Volvo América, Anders Gustafsson, foi só elogios: “de todos os prêmios que conquistamos recentemente, este será o topo do ranking. Obrigado aos jurados pelo reconhecimento".

Nas demais categorias, os vencedores foram: Range Rover Velar (World Car Design of the Year), Nissan Leaf (World Green Car of the Year), BMW M5 (World Performance Car of the Year), Audi A8 (World Luxury Car of the Year) e Volkswagen Polo (World Urban Car of the Year).

Fotos: Divulgação e Arquivo Motor1.com

Galeria: Volvo XC60 2018

Foto de: Volvo