Os lançamentos de Polo e Virtus estão surtindo efeito

A super ofensiva de lançamentos da Volkswagen para o Brasil até 2020 já começa a surtir efeito no mercado. Com as estreias de Polo e Virtus até agora, a marca alemã já vem conseguindo obter uma de suas metas para 2018: reconquistar a vice-liderança em vendas, desbancando a Fiat. 

Em janeiro, a participação de mercado da VW ficou em 15,01%, com 26.342 automóveis e comerciais leves emplacados. A Fiat teve 13,33% de market share, emplacando um total de 23.409 unidades. A líder Chevrolet teve 33.902 emplacamentos no período, mantendo a liderança com 19,31% de participação.

Comparativo VW Polo x Fiat Argo x Honda Fit x Peugeot 208

Em fevereiro, contabilizado os 10 primeiros dias de venda, a segunda posição da VW é ainda mais sólida: 14,8%, com 8.481 unidades, contra 12,8% e 7.286 unidades da Fiat. A Chevrolet, por sua vez, tem mais folga na liderança, atingindo 20% do mercado, ou 11.440 unidades.

Certamente que a crescente da VW nos primeiros 40 dias de 2018 tem a ver com os lançamentos recentes. O Polo já é o quarto carro mais vendido do país, posição conquistada em janeiro e que vem sendo mantida neste começo de fevereiro, ficando à frente não só do rival Fiat Argo (sexto) como também do irmão mais velho Gol (quinto). Assim, o Polo assume a condição de carro-chefe da VW no Brasil.

Leia também:

A versão sedã Virtus também tem começo promissor. Em seu primeiro mês de loja, o modelo já largou com 406 unidades - somente 1 unidade atrás do Nissan Versa (407) e próximo do líder do segmento, Chevrolet Cobalt (517). Vale lembrar, porém, que neste caso o representante da Fiat, o Cronos, ainda não estreou nas revendas. 

VW Virtus

Apesar dos bons resultados, a VW ainda promete muitas novidades neste ano. As próximas a chegarem às lojas serão a Amarok V6 e as versões automáticas de Polo e Virtus com motor 1.6 MSI. Depois virá a família Golf reestilizada. Como importados virão o novo Tiguan AllSpace, para 7 ocupantes, e a nova geração do Jetta - ambos já em testes de rodagem no país. No Salão do Automóvel, em novembro, será a vez do T-Cross, SUV compacto derivado do Polo, mas sua produção começará somente em 2019. 

Fotos: Motor1.com      

Galeria: VW Virtus Highline avaliação

Foto de: Redação