Transmissão de 5 marchas é a principal novidade da linha 2020

Desde seu lançamento, em 2016, a Fiat Toro estava devendo uma versão de entrada com câmbio manual. Afinal, o irmão Jeep Renegade sempre teve esta opção e a picape, que tem vocação mais para trabalho que o SUV, começava sua oferta já com a transmissão automática. Agora na linha 2020, a FCA enfim passa a oferecer a Toro 1.8 Flex com os três pedais. Então agora é hora de trocar de marcha e ver como a picape se comporta. 

O que é?

Como em time que está ganhando não se mexe, a Fiat mudou poucas coisas na Toro 2020. A principal novidade estética fica por conta do para-choque dianteiro, que até pode passar batido para aqueles que não reparam muito. A mudança está no novo formato da parte inferior, que simula um quebra-mato, para dar uma aparência mais robusta à picape.

Fiat Toro 2020 Lançamento

Em termos de equipamentos, para a versão de entrada Endurance (que a Fiat diz ser mais dedicada para o trabalho), o modelo recebeu um santo-antônio com protetor para o vidro traseiro. Já a versão Volcano ganhou 7 airbags de série, tanto no motor 2.4 flex quanto no 2.0 turbodiesel. 

Na parte interna encontramos um item bastante esperado: uma nova central multimídia, que substitui a minúscula tela que a maioria dos clientes reclamavam. Agora, o sistema com monitor de 7” conta com Apple CarPlay e Android Auto, além do GPS nativo, para ajudar os usuários que estiverem longe do sinal de celular. O recurso agrada pela agilidade no uso das funções e ficou com tamanho justo para o porte do carro, deixando a cabine com aparência mais refinada.

Para complementar o visual externo, a Fiat apresentou o pacote S-Design, que chega como opcional para a versão Freedom, tanto flex como diesel. O kit custa R$ 5 mil e adiciona basicamente o que encontrávamos no modelo Blackjack com motor 2.4. O kit conta com rodas, maçanetas e emblemas na cor cinza, logotipo da Fiat pintado de preto, forro interno também em preto e adesivos em preto fosco no capô e na caçamba.

Fiat Toro 2020 Lançamento

Na parte mecânica, a única novidade fica por conta da versão Endurance 1.8 Flex com a transmissão manual de 5 marchas, que até então era vendida apenas na Argentina. O motor E-TorQ rende até 139 cv e 19,3 kgfm quando abastecido com etanol, tendo aceleração de 0 a 100 km/h em 12 segundos, de acordo com a Fiat. As versões 1.8 Flex automática de 6 marchas, 2.0 turbodiesel de 170 cv com transmissão automática de 9 marchas e 2.4 flex de 186 cv também com a transmissão automática de 9 marchas seguem sem alterações.

Como anda?

Por ser a principal atração da linha 2020, no test-drive optei por me concentrar na Toro manual. E o comportamento do picape foi exatamente como eu esperava, semelhante ao do Renegade com o mesmo câmbio. A transmissão melhora as respostas da Toro, dando a (real) impressão de andar mais que a versão automática, porém, mesmo assim ele não não disfarça a predileção do motor por médias e altas rotações. Abaixo de 3 mil rpm, falta força para embalar a picape.

Fiat Toro 2020 Lançamento

O ponto que agrada são os engates relativamente curtos se comparados a outros modelos da FCA, deixando o picape com uma pegada mais esperta. A função Sport é outro ponto que ajuda na agilidade da Toro. Ativando esse modo, o volante fica mais pesado e o acelerador mais sensível. A picape fica mais rápida nas retomadas, mas o efeito é quase imperceptível em baixas rotações.

No restante tudo permanece igual. A suspensão agrada pelo conforto, o silêncio a bordo é destaque e a posição de dirigir é boa, elevada sem parecer que estamos num caminhão. Resta agora o teste de pista (que será feito oportunamente pelo Motor1.com) para observarmos a real diferença para o modelo automático, bem como a prova da caçamba cheia para verificar se o desempenho ficou mais convincente com o modelo carregado.

Quanto custa?

Fiat Toro 2020 Lançamento

Partindo de R$ 92.990, a nova versão Endurance 1.8 flex manual vem para atender a quem busca uma picape para o trabalho ou simplesmente prefere esse tipo de transmissão. Ela reduz em R$ 6 mil o valor de entrada da Toro, que agora começa em R$ 98.990 na Endurance automática de 6 marchas. Esta configuração de entrada também passa a ser oferecida com motor 2.0 turbodiesel, câmbio automático de 9 marchas e tração 4x4, por R$ 129.990.

Vale dizer, no entanto, que nas lojas a Toro é vendida com desconto já há algum tempo, de modo que talvez seja possível achar a picape com câmbio manual mais em conta. Afinal, a Endurance automática 2019 era facilmente encontrada por R$ 79.990 na linha 2019.

 

Texto e fotos: Renato Maia, do Falando de Carro, em colaboração para o Motor1.com

De Reserva do Paiva, Pernambuco

Viagem a convite da FCA

Galeria: Fiat Toro 2020 Lançamento