Sedã passa a ter controles de estabilidade e tração na versão Drive 1.3, enquanto picape recebe sensor de estacionamento

Os modelos Fiat Cronos e Strada de ano/modelo 2021/2021 acabam de ganhar mais equipamentos de série importantes, e a boa notícia, sem mexer na tabela de preços. O sedã compacto agora vem com um pacote que adiciona os controles de estabilidade e tração e também o assistente de partida em rampas na versão Drive 1.3, item que era opcional. Já a picape recebe sensor de estacionamento traseiro para a versão Freedom 1.3, nas duas opções de cabine.

A novidade para o Fiat Cronos Drive 1.3 é bem importante, pois agora o sedã só tem uma variante sem controles de estabilidade e tração de série, que é justamente a versão Cronos 1.3 logo abaixo. Como cada vez mais modelos deste segmento estão vindo com este equipamento de segurança como padrão, a Fiat precisava se mexer para não perder espaço. Continua a ser vendido por R$ 69.890, sem mexer nos valores praticados até agora – preço para todo o país, exceto São Paulo, onde custa R$ 71.074 por conta do aumento do ICMS.

Fiat Cronos 2021

Agora que o ESP é de série para o Cronos Drive 1.3, o pacote S-Design passa a trazer "menos itens", sendo eles ar-condicionado automático digital, partida por botão, chave presencial, câmera de ré, retrovisores com ajuste elétrico, faróis de neblina, rodas de liga leve de 15”, spoiler traseiro e detalhes escurecidos na carroceria e no interior.

Galeria: Fiat Strada Freedom CD 1.3 2021

Já no caso da Fiat Strada Freedom 1.3, o sensor de estacionamento saiu do kit opcional Pack Tech para ser um item de série, tanto nas versões cabine plus quanto cabine dupla. Será vendida por R$ 76.490 com duas portas e R$ 77.824 com quatro portas. Sem este item, o Pack Tech entrega central multimídia com tela de 7”, Android Auto e Apple CarPlay sem fio, câmera de ré, volante multifuncional e dois tweeters.

Os dois modelos utilizam o motor 1.3 Firefly de quatro cilindros, entregando 109 cv a 6.250 rpm e 14,2 kgfm de torque máximo a 3.500 rpm. Desde que a transmissão automatizada GSR saiu de linha, os carros equipados com este motor só são vendidos com o câmbio manual de 5 marchas. Isso irá mudar neste ano, quando a Fiat passará a oferecer um câmbio automático do tipo CVT para todos os carros que usam o 1.3 aspirado, com lançamento previsto para a linha 2022.

 

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Envie seu flagra! flagra@motor1.com